Programa de Coleta Seletiva chega ao conjunto Augusto Franco

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 16/07/2013 às 15:06:00

A Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Sema) iniciaram ontem o trabalho de conscientização ambiental dos moradores do conjunto Augusto Franco. O local será inserido no programa de coleta seletiva da Prefeitura Municipal de Aracaju e o material recolhido destinado ao Centro de Triagem no bairro 17 de Março, inaugurado no último dia 9, onde funciona a Cooperativa de Reciclagem Bairro Santa Maria (Cores), formada por ex-catadores do antigo lixão do Santa Maria.

Agentes ambientais irão percorrer as ruas do conjunto, orientando de porta em porta os moradores da região sobre como fazer a separação do material reciclável e também sobre a preservação do ambiente. Por meio de um questionário, os agentes fazem um diagnóstico da situação local e promovem a entrega de panfletos informativos e cartilhas que instruem sobre o descarte correto do material (orgânico e reciclável).
"Esta ação já faz parte da reestruturação da operacionalização do Programa de Coleta Seletiva, que abrange 22 localidades na capital, além de órgãos públicos e privados. Vamos dividir áreas para Cores e Care, delimitando as regiões de onde o material recolhido será enviado para cada uma", explica o diretor de Controle Operacional da Emsurb, Robert Willyam. A média mensal é de 240 toneladas de material recolhido pela equipe de 17 trabalhadores - entre motoristas, fiscais e agentes -, e transportado nos cinco caminhões coletores até a Cooperativa dos Agentes Autônomos de Reciclagem de Aracaju (Care), localizada no Bairro Santa Maria.