Bandidos roubam armas de vigilante e de guarda municipal

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 27/06/2012 às 15:59:00

Os vigilantes de empresas e órgãos públicos estão sendo mais visados pelos bandidos, por conta das armas que utilizam em serviços. Duas ocorrências do tipo foram registradas na Delegacia Plantonista (Centro), na noite de anteontem. O primeiro caso aconteceu às 17h30 em uma unidade da Deso (Companhia de Saneamento de Sergipe) no Horto Florestal da Imbura, em Nossa Senhora do Socorro (Grande Aracaju). O vigilante, que trabalha na empresa Franca Vigilância, contou à polícia que estava trabalhando quando foram rendidos por dois homens que estavam escondidos em um matagal, sendo um deles com o rosto coberto por uma camisa.
Segundo o vigia, a dupla encostou uma arma em suas costas e impediram que ele olhasse para trás. Em seguida, eles pegaram a arma da empresa, um revólver calibre 38, e um telefone celular, fugindo em seguida pelo matagal do Horto. A vítima foi até um posto de gasolina na BR-101 e chamou a Polícia Militar, comunicando o roubo. Apesar das buscas, os bandidos não foram encontrados.
O outro caso ocorreu três horas depois, às 20h, na Escola Municipal Laonte Gama, no bairro Santa Maria (zona sul). Um guarda municipal que trabalhava na unidade de ensino também foi abordado por dois homens armados que apontaram-lhe seus revólveres e também o roubaram. A dupla levou dois celulares e o revólver da vítima, que pertence à Guarda Municipal de Aracaju. A PM também foi chamada e não conseguiu pistas dos criminosos.