Banco Mundial emprestará U$ 150 milhões para Sergipe

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O governador em exercício, Jackson Barreto, acompanhou a votação da CAE
O governador em exercício, Jackson Barreto, acompanhou a votação da CAE

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 14/08/2013 às 03:14:00

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal aprovou ontem, 13, em Brasília, operação de crédito de U$ 150 milhões destinados ao fortalecimento de políticas sociais em Sergipe. Os recursos são do Banco Mundial (Bird).

O governador em exercício, Jackson Barreto, acompanhou pessoalmente a reunião da CAE, onde o projeto foi aprovado por unanimidade. Com a decisão do Senado (resta, ainda, a aprovação pelo plenário da Casa), o parecer segue à Procuradoria Geral da Fazenda Nacional antes do desembolso do Bird.

Na reunião no Senado, presidida pelo senador Lindbergh Farias (RJ), tanto Jackson Barreto quanto o governador Marcelo Déda foram homenageados. "Vamos ao item três, em homenagem ao governador em exercício Jackson Barreto e ao nosso grande governador Marcelo Déda", destacou Lindbergh.
"Na última reunião da CAE, vários senadores falaram, prestaram uma homenagem a esse grande homem, esse grande lutador, governador Marcelo Déda. E a nossa torcida pela sua plena e pronta recuperação", completou o senador. Sua intervenção foi seguida pelo senador Ricardo Ferraço (ES).
"Senhor presidente [da CAE], cumprimentando o nosso governador em exercício Jackson Barreto, que nos honra com a sua presença, cumprimentando evidentemente o senador Antônio Carlos Valadares (SE), esse guerreiro e centroavante dos interesses do estado de Sergipe", disse Ferraço. Neste momento, o senador Valadares lembrou que a situação das contas públicas de Sergipe é "excepcional, no que diz respeito ao seu equilíbrio fiscal e à tomada de empréstimos".

Os recursos destinam-se a desenvolver e ampliar as oportunidades para inclusão social e produtiva da população extremamente pobre e vulnerável, a fortalecer o acesso da população aos serviços públicos de qualidade, e aprimorar a gestão e a implementação das políticas públicas com foco nos resultados.