Ministério da Pesca realiza Semana do Peixe para estimular consumo

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Peixe exposto em rede de supermercado
Peixe exposto em rede de supermercado

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 10/09/2013 às 02:48:00

Fonte de vitaminas, o peixe é um alimento rico em ácidos graxos essenciais como o Ômega-3, que não é produzido pelo organismo e, por isso, deve ser incluído na dieta alimentar. Para aproveitar os benefícios desse alimento e estimular o consumo de peixes, o Ministério da Pesca e Agricultura lançou a campanha Semana do Peixe. Com boa aceitação pelos brasileiros, em 2012 o consumo nacional de pescado aumentou 20% durante a campanha e a expectativa do ministério é superar este índice em 2013.

Por mais um ano, a rede de supermercados GBarbosa adere à iniciativa do governo e promove a campanha em todas as suas unidades da capital e interior dos estados de Alagoas, Bahia, Sergipe, Pernambuco e Ceará. Até o dia 15 de setembro, os consumidores poderão aproveitar os descontos que chegam a 15%.
De acordo com Carlos Rabello, gerente comercial de Perecíveis, o GBarbosa abasteceu a seção de pescados das suas lojas especialmente para a campanha. "Reforçamos pescado industrializado com variedade de pescado inteiro, filé, posta, e camarão e esperamos aumentar as vendas em 10% com relação ao ano passado", afirma.

Os clientes podem encontrar diversas opções de pescados nacionais e importados, como por exemplo, os filés de polaca e panga da China e o cobiçado filé de salmão do Chile. As opções nacionais vêm do Sul do país, como a corvina em posta, a sardinha e a cavalinha, comercializadas inteiras. Do Rio Grande do Norte a pedida é o camarão descascado, inteiro e sem cabeça, a arraia em postas e o filé de tilápia. Entre os produtos mais procurados pelos consumidores estão a corvina em posta, a sardinha, a cavalinha e o filé de Polaca.

Já os clientes que preferem peixes frescos podem aproveitar para visitar a peixaria das lojas Jardins, Francisco Porto, Riomar e Farolândia (Aracaju) e Iguatemi e Costa Azul (Salvador), que têm como principais peixes salmão resfriado em posta e filé, pescada amarela posta, dourado posta, tainha, tambaqui, pescada branca e peixe vermelho.

Benefícios à saúde - O consumo regular de peixe é indicado pelos nutricionistas para ajudar a diminuir a taxa de colesterol, o risco de doenças coronárias, controla a pressão alta, entre outros benefícios, devendo ser consumido no mínimo duas vezes por semana e intercalado com outras carnes.