Material de construção vende menos em junho

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
A queda nas vendas de material de construção em junho surpreendeu
A queda nas vendas de material de construção em junho surpreendeu

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 04/07/2012 às 15:25:00

As vendas no varejo de material de construção fecharam o mês de junho com queda de 9% na comparação com o mês anterior. É o que revela um estudo realizado pela Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), em parceria com o Ibope Inteligência, e divulgado ontem. Na comparação com junho do ano passado, a baixa foi de 8%.Com este resultado, o desempenho no ano é 3,5% negativo e o dos últimos 12 meses está 6% menor".

Ao analisar os segmentos, dos 13 contemplados no estudo, fechaduras (-6%), metais sanitários (-5%), argamassas (-4%) e tubos e conexões de pvc (-3%) foram os que apresentaram maior diminuição de vendas. Já os setores de cimento e telhas de fibrocimento permaneceram estáveis. Segundo a Anamaco, este baixo desempenho ainda é reflexo da falta de crédito existente no mercado, que está muito caro, apesar dos seguidos anúncios de redução dos juros. Os consumidores não estão encontrando as propaladas taxas mais baixas e este terrorismo sobre a inadimplência ajuda a empurrar o setor ainda mais para baixo.

Com o resultado apresentado em junho passado, a Anamaco revisou pela segunda vez consecutiva a expectativa de crescimento para o ano. Inicialmente, a previsão da entidade era um desempenho 8% superior a 2011, mas o comportamento do setor até o mês de maio fez com que o número fosse revisto para 4%. A Associação explicou que a perspectiva já não é mais tão otimista em relação a 2012, pois a desaceleração nas compras já não é sazonal, ela se transformou em uma tendência pelos resultados ruins obtidos no primeiro semestre de 2012. Justamente por isso, o previsão de crescimento caiunpara 3%.