Acidente entre caminhonete e trator deixa dois feridos

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Acidente entre caminhonete e trator em estrada  de Lagarto: dois feridos
Acidente entre caminhonete e trator em estrada de Lagarto: dois feridos

Motoqueiro é socorrido na Avenida Ivo do Prado
Motoqueiro é socorrido na Avenida Ivo do Prado

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 05/07/2012 às 16:10:00

Um acidente entre um trator e uma Pick-Up na Rodovia João Paulo II deixou duas pessoas feridas por volta das 6h de ontem. A colisão ocorreu entre os municípios de Lagarto e Itabaiana (Agreste), nas proximidades da ponte do rio Vaza Barris. Segundo um motociclista que passava no local no momento do acidente, o motorista da Hilux perdeu o controle na curva invadindo a contra-mão. "Assim que ele passou a curva perdeu o controle e veio em direção ao trator", disse a testemunha.

Os dois veículos ficaram totalmente destruídos com o impacto, a Pick-Up com placa do município de Estância era conduzida por Mendel Quadro de Laia, 41 anos. Já o trator pertence à associação José Timóteo, da cidade de São Domingos, e estava sendo conduzido por Isaak Silveira, 25. O trator estava se deslocando de uma fazenda da região com destino a um assentamento no município de Lagarto. Já a caminhonete estava carregada de peças para motocicletas e se dirigia para Itabaiana.

Os dois condutores foram atendidos por duas equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e em seguida foram encaminhados para o Hospital Regional de Lagarto com apenas ferimentos leves pelo corpo. Agentes de trânsito da CPRv estiveram no local e tomaram as  providências para organizar o tráfego no trecho.

Moto - Mais um acidente envolvendo moto e carro foi registrado na Avenida Ivo do Prado, Centro de Aracaju. Por volta das 17h10 de ontem, o condutor de um Corola de placa NVK-4591/SE freou repentinamente e o motoqueiro André Santos Silva, 32 anos, não conseguiu desviar do automóvel. Com o impacto, André, que pilotava uma moto de placa NVJ-4803/SE, deslocou o ombro direito e teve cortes no rosto, tendo que ser atendido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

"Foi tudo muito rápido. Pelo que soube através dos populares, o motorista freou para dar passagem a um grupo de estudantes que tentava passar sobre a faixa de pedestre. Espero que o Samu chegue logo, meu ombro dói muito", disse a vítima. Um congestionamento foi formado e isso fez a ambulância atrasar sua chegada em cerca de 30 minutos. André foi levado ao Pronto-Socorro Nestor Piva, na Avenida Maranhão, onde foi medicado e depois liberado.