Case entrega medicamentos gratuitamente a 23 mil pessoas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 05/07/2012 às 16:13:00

O Centro de Assistência à Saúde (Case), da Secretaria de Estado da Saúde, oferta, de forma gratuita, medicamentos de alto custo, além de órteses e próteses para pessoas em tratamento, sem distinção de bairro, situação financeira, ou profissão. São 23 mil usuários cadastrados.

"Além de ofertar os medicamentos, nos casos de impossibilidade de deslocamento e de pessoas idosas, o Case entrega o medicamento na casa do paciente. Hoje, cerca de 1.500 pessoas recebem regularmente remédio em casa", explica o secretário estadual da Saúde, Silvio Santos.

Em 2011, a SES investiu no Centro R$ 35 milhões na compra de medicamentos, além de R$ 1 milhão para órteses, próteses e cadeiras. Desse montante, o Governo Federal enviou R$ 8 milhões. A maior parte saiu dos recursos estaduais. Um grande aumento se comparado aos R$ 16 milhões de 2010.

Acesso - "Temos que valorizar esse serviço, porque ele é fundamental para a população, pois o Case faz a distribuição gratuita dos medicamentos. O valor empreendido pelo Governo de Sergipe é um investimento na Saúde da população. Então é importante que isso seja divulgado para que mais pessoas passem a ter acesso ao serviço", diz Silvio Santos.

Além da capital, o CASE atende pacientes em 11 municípios do interior do Estado, e a meta é expandir esse número para mais 11 municípios ainda em 2012. "Temos tido um avanço muito grande, hoje está tudo organizado. Todos os dias temos pacientes aqui renovando o cadastro e novos pacientes também", informa a diretora do Case, Ortência Cavalcante.