Sexta, 21 De Janeiro De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

Sem salários, motoristas da empresa Modelo param ônibus


Avatar

Publicado em 14 de janeiro de 2022
Por Jornal Do Dia Se


Rodoviários normalizam transporte coletivo na Grande Aracaju.

Milton Alves Júnior

Motoristas, cobradores e funcionários ligados ao departamento de manutenção da empresa Viação Modelo cruzaram os braços no início da manhã de ontem como forma de protesto contra sucessivos atrasos salariais, 13º salário, vale alimentação, e descumprimento de demais direitos trabalhistas. Conforme contabilidade realizada pela Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), foi possível identificar intercorrências operacionais em 30 linhas que compõem o transporte coletivo na região metropolitana de Aracaju. Durante a mobilização foi comunicado, por parte da empresa, que medidas estão sendo adotadas a fim de quitar os débitos ainda em aberto.
A direção do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp) também confirmou o conteúdo. Por meio de nota pública foi revelado que: “a empresa chegou a quitar uma parte dos salários em atraso essa semana e está buscando alternativas para atender o quanto antes pleito justo dos seus colaboradores.” A entidade sindical que representa o grupo empresarial chamou a atenção ainda para a situação atual de todo o sistema de transporte. Segundo o Setransp, há desequilíbrio econômico diante do acúmulo de débitos postergados durante a pandemia; aumento gradativo das despesas, principalmente o combustível; e crescimento da utilização de gratuidade sem fonte de custo.
Existem queixas empresariais ainda quanto à queda do número de passageiros que ainda passa dos 40%; a defasagem da tarifa de ônibus e a falta de aporte extra tarifário. “O Setransp alerta para a necessidade de apoio quanto a realidade do sistema de transporte, prestador de um serviço essencial para população, que tem sido ameaçado com interrupções frequentes ao longo dos últimos anos por conta de questões financeiras”, completou. A paralisação continua.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade