Sábado, 06 De Agosto De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

A negrada mais Chico Buarque


Avatar

Publicado em 30 de julho de 2022
Por Jornal Do Dia Se


Rian Santos
riansantos@jornaldodiase.com.br

Um homem, um voto. De acordo com o princípio democrático, homens e mulheres, ricos e pobres, negros, pardos, índios, brancos, todos possuem igual influência sobre os destinos do País, crentes e leigos, reconhecidos como cidadãos.
Políticos conservadores querem fazer crer, entretanto, na conversa fiada do homem de bem. Para estes, Bolsonaro à frente, direitos rimam com privilégio. As minorias, os dissidentes marginalizados pelo poder hegemônico devem passar à míngua, comer o pão que o diabo amassou.
Todo o poder emana do povo, contudo. O povo todo. Desde os artistas acusados injustamente de mamar nas tetas imensas do Estado, até os macumbeiros, os maconheiros, a negrada, os paraíbas, os viados. Por isso os autoritários detestam as urnas eletrônicas, à prova de fraudes. De quatro em quatro anos, a intervalos regulares, precisam lidar com o populacho.
Há, entre os brasileiros, quem ainda se engane com os protestos de decência malocados na boca porca do presidente Bolsonaro. Todos os outros podem assinar a Carta pela Democracia, reproduzida abaixo, a fim de dar um basta a ameaças golpistas, igual a mim e a Chico Buarque.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade