Quinta, 26 De Maio De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

Um grito


Avatar

Publicado em 13 de maio de 2022
Por Jornal Do Dia Se


Rian Santos
riansantos@jornaldodiase.com.br

Em minha coleção falta um painel de Larissa Vieira. Imagino um muro, uma parede inteira tomada por seu berro colorido, uma afirmação exuberante de orgulho, superior aos rangidos dos camburões e dos navios negreiros.
Larissa realiza uma pintura étnica e, mais ainda, ostensivamente racial. Todos os signos trazidos à tona pela artista evocam uma lembrança ancestral muito forte, histórica e ainda viva, a alegria vital de uma cultura mantida a sopapos de mãos grossas e pés descalços, sujos de barro, irmãos de caminhos muito antigos, pés afeitos a levantar poeira.
Penso que, em minha coleção, Larissa estaria muito bem acompanhada, tão bem aqui em casa como em seu próprio ateliê. Há, entre as quatro paredes de meu refúgio, algo de incontido que se pronuncia em uma língua muito parecida com os traços modernosos e sempre bem dispostos da artista. Refiro-me, por exemplo, aos fluxos e correntezas femininas, expressos no trabalho de Gabi Etinger; o comentário implícito nas perversões de Flávio Antonini; o grafismo anti-escolástico de Jamson Madureira. Mesmo os trabalhos recompensados com algum reconhecimento comercial, como as telas assinadas pelo amigo Fábio Sampaio, carregam em si um dado de inquietação contestadora.
Trata-se aqui de telas, ilustrações e gravuras reunidas, uma a uma, pela sensibilidade inflamada de um jornalista muito satisfeito de distribuir caretas. Não ganharam lugar na parede por força de etiqueta, em atenção à noção corrente de bom gosto, portanto. Prego e martelo profanaram a argamassa do umbral doméstico com a única intenção de ampliar um grito.
Leio sobre uma nova mostra de artistas negros a ser inaugurada hoje no Corredor Cultural Irmão, a galeria improvisada na sede da Funcap. Ignoro quem sejam os expositores. Mas sinto falta de um painel realizado por Larissa a fazer advertências em alto e bom som, para o espanto e a admiração das visitas, aqui na sala.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade