Domingo, 14 De Agosto De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

Polícia prende casal acusado de utilizar os filhos para o tráfico


Avatar

Publicado em 18 de maio de 2022
Por Jornal Do Dia Se


Com isso, o condutor do carro foi indiciado por tentativa de homicídio qualificado por motivo torpe.

Milton Alves Júnior

Uma ação em conjunto, realizada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/SE) em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), resultou na prisão de um casal apontado pelo setor de inteligência da Polícia Civil como suspeito de promover tráfico de drogas, fazer uso irregular de arma de fogo, incentivar a prática de prostituição infantil, bem como fazer o uso de crianças e adolescentes no mercado criminoso.
Conforme apurado pela Delegacia de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) de Nossa Senhora do Socorro e o Departamento de Narcóticos (Denarc), os menores envolvidos na comercialização de entorpecentes e prostituição são os próprios filhos da mulher: 14, 12 e três anos de idade.
Em comunicado oficial apresentado pelo governo de Sergipe, sem informar o nome dos suspeitos, a operação policial revelou que conseguiu encontrar o homem ainda no início da manhã, na cidade de Estância, enquanto a mulher foi identificada e teve a respectiva prisão anunciada nas primeiras horas da tarde, no município de Nossa Senhora de Socorro, região metropolitana de Aracaju. Segundo destacado pela delegada Lorena Rocha, o sucesso da ação ocorreu em virtude, também, devido ao apoio concedido por profissionais que atuam na 7ª Delegacia Metropolitana (7ªDM), na Delegacia Regional de Estância, por meio do núcleo de narcóticos, como também dos agentes da Segurança Pública que compõem a delegacia da cidade de Salgado.
A nota pública apresentada pela SSP expôs que as diligências policiais apontam que o tráfico era realizado pelo casal com o uso contínuo de uma arma de fogo. Também se investigam ameaças e agressões físicas na criança e nos adolescentes, além dos fatos de um dos filhos ter transportado drogas em uma mochila escolar. A investigação tenta descobrir se alguns dos filhos foram forçados à prostituição. “As investigações tiveram início na DAGV de Socorro, onde tomamos conhecimento de que um casal estaria praticando violência física e psicológica contra os filhos. Esse casal praticava tráfico de drogas em Socorro e Salgado, além de existir a suspeita de que eles estariam forçando os filhos a praticar o tráfico e ameaçando de prostituição”, declarou Lorena Rocha.

Histórico – Os suspeitos já eram investigados por suspeita de realizar tráfico de drogas nas cidades de Nossa Senhora do Socorro e Salgado. A mulher envolvida já havia sido presa acusada de receptação, ocorrida no ano de 2017, quando trocou um objeto furtado por droga do tipo crack com o então autor do furto. Diante do crime de tráfico, o Denarc foi acionado para que passasse a investigar o caso em conjunto com a DAGV. Pela Secretaria de Estado da Segurança Pública não foi informado o destino das três crianças, filhas da mulher que segue detida à disposição do Poder Judiciário sergipano.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade