Domingo, 21 De Julho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Edvaldo dá posse a 100 guardas municipais


Publicado em 16 de junho de 2012
Por Jornal Do Dia


EVALDO OBSERVA ASSINATURA DE AGENTE

Profissionais concursados, bem preparados, com porte de arma, recebendo salários dignos e que irão atuar em uma instituição moderna e bem estruturada. Essa é a realidade encontrada pelos 100 novos guardas municipais que foram empossados na manhã de ontem pelo prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira. Durante o evento, realizado no auditório do Banese, o chefe do executivo municipal também promoveu  30 guardas que passam do nível II para o III.
Após a assinatura do termo de posse e de promoção, a guarda Lorena de Góis, que passou no concurso em primeiro lugar, falou em nome de todos os aprovados. Ela destacou que, apesar de existir há tanto tempo, a Guarda apenas conseguiu mostrar seus reais objetivos nos últimos dez anos. "E isso tem ocorrido de forma tão notória que hoje a Guarda Municipal de Aracaju é amplamente reconhecida pelos relevantes serviços prestados à sociedade aracajuana", afirma.
O guarda municipal Wilton Rodrigues de Jesus, recebeu com alegria a promoção para GM3. Visivelmente emocionado, ele agradeceu ao prefeito e ao major Edênisson Paixão, diretor da GMA, pela valorização da corporação. "Quero parabenizar o major Edênisson pelo brilhante trabalho à frente da Guarda e queremos agradecer ao prefeito pelo empenho na valorização da categoria, pelo trabalho de reestruturação, modernização e valorização da Guarda Municipal e a qualificação dos seus integrantes", disse.

Construção – O prefeito fez questão de ler o nome dos 100 novos guardas e dos 30 que foram promovidos. Para ele, o momento é muito significativo, pois coroa o processo de construção da instituição no município de Aracaju. "Quando chegamos na Prefeitura em 2000, com Marcelo Déda prefeito e eu vice, a Guarda existia, mas de maneira muito precária. Era composta de cargos comissionados, não existia carreira, não tinha concurso, nem curso de formação inicial. Trabalhamos então para profissionalizar a GM e construir uma instituição que pudesse, dentro dos preceitos constitucionais, colaborar com a segurança pública no Estado", frisou.
Lembrando que pesquisas mostram que a segurança é uma das grandes preocupações da sociedade moderna, Edvaldo destacou que hoje a corporação ainda tem grandes desafios a enfrentar, mas que se encontra hoje bem estruturada. "Estamos diante de um grande desafio que é o de combater a violência e para isso precisamos dotar nossa cidade de instrumentos capazes de instrumentos capazes de enfrentar e reprimir esse mal que tanto preocupa a sociedade", pontuou o prefeito.
Com a contratação dos 100 concursados, o efetivo sobe de 350 para 450 guardas. Além da modernização da corporação por meio da compra de equipamentos que possibilitam condições de trabalho dignas, a Prefeitura investiu ainda na qualificação e valorização dos profissionais. Em março deste ano, os Guardas Municipais receberam a notícia de que teriam incorporada aos seus salários, a gratificação especial de segurança pública em duas parcelas: janeiro e dezembro. Eles também tiveram incorporada ao salário a gratificação de periculosidade (30%) e passaram a receber o auxílio uniforme no valor de R$ 820 reais.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade