Quarta, 17 De Agosto De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

CBF aumenta cota dos clubes da Série D


Avatar

Publicado em 06 de julho de 2022
Por Jornal Do Dia Se


O Presidente da FSF esteve na reunião ao lado do presidente do Lagarto, Robson Santos e do presidente do Sergipe, Ernan Sena

O atual presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ednaldo Rodrigues, reuniu, na manhã desta terça-feira (05), representantes dos 64 clubes que disputam o Campeonato Brasileiro da Série D, e definiu uma nova premiação para as equipes que disputam a quarta divisão nacional.
O menor valor recebido pelas equipes será de R$ 120 mil, respectivo para as que não se classificarem para a segunda fase, R$ 150 mil para as que se classificarem, além de R$ 300 mil para o vice, e R$ 500 mil para o campeão.
Antes do início da competição, os valores seriam bem menores aos recém divulgados, sendo R$ 100 mil de bônus para o quarto colocado, R$ 150 mil para o terceiro, R$ 250 mil, além de um automóvel para o vice, e R$ 320 mil para o campeão, também com um automóvel.A primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D está há duas rodadas do fim, e as novas premiações devem servir de incentivo para os clubes.

FSF e clubes presentes – A Federação Sergipana de Futebol (FSF) participou na manhã desta terça-feira (05/07), ao lado de representantes do Lagarto e Sergipe da reunião na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O evento foi realizado no Rio de Janeiro e reuniu os 64 clubes que estão disputando o Campeonato Brasileiro da Série D.
A reunião aconteceu de forma inédita e debateu diversos assuntos do Brasileiro e definiu premiação para as equipes que disputam a competição. A gestão do presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues será a primeira a apoiar financeiramente os clubes. Ficou definido que o valor mínimo será de R$ 120 mil para os times que não se classificarem para a próxima fase do torneio.Jápara aqueles que avançarem de fase, a quantia aumenta para R$ 150 mil.Ocampeão receberá R$ 500 mil e o vice, R$ 300 mil.
O presidente da FSF, Milton Dantas acompanhou toda a reunião na sede da CBF. “É um apoio financeiro muito importante para todos os clubes da Série D. Não tenho dúvidas que é um marco histórico para todos nós que estamos na quarta divisão do Campeonato Brasileiro. Ednaldo Rodrigues chega com o olhar e com o sentimento diferente dos outros presidentes. Nunca antes na história da CBF teve um presidente que fizesse uma reunião tão ampla com todos os clubes da Série D e Ednaldo teve essa visão. Isso fortalece o futebol brasileiro tornando mais competitiva a competição. Hoje nós temos um olhar diferenciado da CBF para com os clubes”. disse Milton Dantas.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade