Terça, 16 De Agosto De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

Mais um afogamento na Praia dos Artistas


Avatar

Publicado em 10 de julho de 2012
Por Jornal Do Dia


O corpo do jovem foi resgatado na Praia de Aruana

OS TRECHOS MAIS PERIGOSOS DAS PRAIAS DE ARACAJU, COMO A PRAIA DOS ARTISTAS, ESTÃO BEM SINALIZADOS

Milton Alves Júnior

Mais um banhista morre afogado na Praia dos Artistas, em Aracaju, considerada a 4ª praia mais perigosa do Brasil. A desobediência e desatenção podem ser consideradas aspectos fundamentais para o jovem Jeferson Batista da Silva, 16 anos, ter desaparecido na tarde do último domingo, 08. Após designar duas embarcações e uma patrulha na areia para realizar buscas na região do ‘Molhe da Coroa do Meio’ e no estuário do Rio Sergipe, equipes do Corpo de Bombeiros encontrou o corpo do adolescente por volta das 10h de ontem. Para colaborar na remoção, o Instituto Médico Legal (IML) teve que ser acionado.

De acordo com o tenente Fábio Caldas, responsável pelo Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros (GMAR), ações publicitárias são realizadas semanalmente no local para tentar evitar que sinistros dessa natureza sejam registrados. Para Caldas, a conscientização é fundamental. "Infelizmente esse tipo de ocorrência não mais nos impressiona. Por diversas vezes nossas equipes já foram encaminhadas para socorrer um banhista. Na maioria das vezes esse procedimento é realizado com sucesso, em outras, já é tarde demais", disse. Devido à forte correnteza no local, valas de aproximadamente cinco metros de profundidade são criadas e servem como espécie de precipício aquático.

Ainda segundo o tenente, Jeferson Batista deve ter caído em uma delas e foi sugado, não conseguindo assim retornar à superfície. "Nosso grupamento está sempre à disposição e pronto para atender rapidamente a população. Assim que fomos acionados, equipes terrestres e aquáticas foram tentar salvar o jovem. Com jet-skis, nossos agentes chegaram ao local do incidente e reforçaram as buscas que foram interrompidas no final da tarde", declarou. Conforme informado pelo CBM, a vítima foi encontrada a 10 km do local do afogamento, mais precisamente na Praia do Sarney, próximo à Associação Atlética Banco do Brasil (AABB). "Possuímos equipamentos novos, profissionais qualificados, mas sem a ajuda da população nosso trabalho fica difícil de ser realizado sempre com êxito", concluiu.

Conforme declarações de populares, tudo indica que o jovem estava jogando futebol na praia quando a bola acabou caindo na água. Ao tentar resgatá-la, Jeferson foi surpreendido com uma dessas valas.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade