Segunda, 20 De Maio De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Gerson Gusmão promete melhoras para sábado


Avatar

Publicado em 12 de abril de 2024
Por Jornal Do Dia Se


O técnico do Confiança Gerson Gusmão admite que o time teve um primeiro tempo irreconhecível na partida de quarta-feira. “Mas o importante é que fizemos um segundo tempo bem melhor e conseguimos o gol de empate no final do jogo. Isso deixa tudo igual e os jogadores motivados para a partida de sábado”, avaliou Gusmão.
Sufoco – O Confiança levou sufoco durante todo o primeiro tempo do Clássico Maior, válido pelo jogo de ida da final do Campeonato Sergipano, e viu o Sergipe abrir o placar com Erivélton, aos 18 minutos.
No intervalo porém, o técnico Gerson Gusmão começou a mexer na equipe, passando Riquelmo para o lado direito, Luizinho para a esquerda e formando uma dupla de ataque com Léo e Willians Santana. O Dragão passou a ter mais volume de jogo. Ainda no início da segunda etapa, Lucas Rian e Rafael Furtado entraram em campo nos lugares de Willians Santana e Riquelmo e o time chegou ao empate já no finalzinho da partida, com o gol do centroavante. Ao final do jogo, o treinador azulino fez um balanço da partida.
– No primeiro tempo não aconteceu nada do que foi planejado para o jogo. A responsabilidade maior é minha, que pensei em uma situação e acabou não dando certo, a gente assume isso. No segundo tempo, a gente teve atitude, lucidez e a qualidade de acerto de passe para trabalhar mais a saída de bola, em que no primeiro tempo a gente teve mais dificuldade, por isso a gente conseguiu chegar ao empate na parte final de jogo, mas poderia ter sido antes, por algumas situações que a gente criou – disse.
Tudo diferente -Gusmão faz a promessa ao torcedor proletário de que no próximo jogo marcado para sábado será tudo diferente.
– Digo ao nosso torcedor que no sábado vai ser diferente. O torcedor pode ter certeza disso, que a gente vai fazer um primeiro tempo muito melhor do que a gente fez hoje e nos segundo tempo não vamos deixar cair. Nós devemos isso, o torcedor deu o voto de confiança para a nossa equipe e a gente deixou a desejar no primeiro tempo. Agora, é valorizar esse empate, o esforço que não faltou em nenhum momento. Faltou organização nossa e, principalmente, qualidade no acerto de passe para a gente conseguir ter uma saída de bola melhor – completou.
Com a decisão em aberto, o Confiança recebe o Sergipe no sábado, às 16h, na Arena Batistão, pelo jogo de volta da final. Quem vencer, conquista o título do Campeonato Sergipano. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE