Segunda, 08 De Agosto De 2022
**PUBLICIDADE


Prefeitura de Rosário retira famílias de situações de "extrema pobreza"


Avatar

Publicado em 06 de julho de 2012
Por Jornal Do Dia


Garantir que pessoas em situação de vulnerabilidade tenham mesa farta e renda fixa é a finalidade que a Prefeitura de Rosário do Catete, através da Secretaria de Assistência Social tem executado programas de inclusão igualitária no município, como o "Bolsa Pis" e o "Boa Mesa".
Atendendo aproximadamente duas mil famílias rosarenses, os benefícios correspondem a auxílios mensais, com data fixa para entrega – todo dia 20 – e equivalem a uma bolsa no valor de R$ 100 e uma cesta básica para cada cadastrado.

Os programas foram criados em gestões diferentes, mas implementados na atual administração. Hoje, a população vulnerável recebe mensalmente uma cesta com cerca de 10 produtos diferentes, sendo dois quilos de cada alimento. Ou seja, quase 20 itens são colocados na cesta",  esclarece.

O processo para o cadastramento das famílias é minucioso e requer atenção das equipes destinadas às inscrições. Os programas ofertam mais que uma renda e alimento. Através deles, os beneficiários ganham a chance de garantir uma profissão, mudando posteriormente suas condições de vida.

O "Bolsa Pis" oferta cursos de artesanato, bordado, sabonete decorativo, confecção de móveis com jornal, entre outras coisas, o "Boa Mesa" oferece palestras com nutricionistas que explicam dentre outras coisas, como utilizar os alimentos corretamente, qual a melhor forma de preparo e como reaproveitá-los. Os idosos inseridos no Centro de Convivência ao Idoso, também recebem estes benefícios.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE