Linn da Quebrada revela primeiros movimentos de seu novo disco

Cultura

 

O novo disco de Linn da Quebrada, 'Trava Línguas' (Natura Musical), já está acontecendo. Para quem quiser acompanhar, o podcast Mundinho Trava Línguas trazem relatos orais ditos e gravados pela própria artista, que vem compartilhando diversos momentos do processo criativo do álbum inédito, além de reflexões pessoais sobre sua vida e trajetória.
Com previsão de lançamento completo para meados de 2021, Trava Línguas é o segundo álbum de carreira de Lina e tem sua produção musical dividida em três mãos: as dela, da DJ e produtora BADSISTA e da percussionista Dominique Vieira.
"No final das contas, tudo acaba se cruzando. Quem fui, quem sou, quem eu não faço ideia de quem serei daqui algum tempo, além de todas as criações que venho realizando, enfim, isso tudo tá sendo absorvido pelo projeto Trava Línguas", reflete Linn. "E compartilhar ideias tão íntimas de modo tão amplo tá sendo instigante pra mim, é algo que eu queria desde o início desse projeto: tornar minhas fãs parceiras de toda essa construção, contar tudo pra elas. Neste instante estou muito a fim de gerar essa troca com o público, quero explorar ainda mais sobre este lugar e momento no qual me encontro agora", ressalta a artista.
A ideia de produzir e publicar estes conteúdos partiu da própria #EquipeDaQuebrada, que notou um crescimento notável de público nos formatos mais voltados ao áudio, como podcasts e afins. Esse direcionamento também levou em consideração o próprio ponto de partida de Trava Línguas: a palavra, isto é, o corpo como palavra. "Quando me amparo na palavra, eu me acalmo. Meu corpo é a matéria prima dessa palavra, que podendo ser escrita, neste instante é falada e no disco se apresenta a partir de outras estéticas", detalha Linn sobre o universo oral que atravessará Trava Línguas do seu princípio ao fim.

O novo disco de Linn da Quebrada, 'Trava Línguas' (Natura Musical), já está acontecendo. Para quem quiser acompanhar, o podcast Mundinho Trava Línguas trazem relatos orais ditos e gravados pela própria artista, que vem compartilhando diversos momentos do processo criativo do álbum inédito, além de reflexões pessoais sobre sua vida e trajetória.
Com previsão de lançamento completo para meados de 2021, Trava Línguas é o segundo álbum de carreira de Lina e tem sua produção musical dividida em três mãos: as dela, da DJ e produtora BADSISTA e da percussionista Dominique Vieira.
"No final das contas, tudo acaba se cruzando. Quem fui, quem sou, quem eu não faço ideia de quem serei daqui algum tempo, além de todas as criações que venho realizando, enfim, isso tudo tá sendo absorvido pelo projeto Trava Línguas", reflete Linn. "E compartilhar ideias tão íntimas de modo tão amplo tá sendo instigante pra mim, é algo que eu queria desde o início desse projeto: tornar minhas fãs parceiras de toda essa construção, contar tudo pra elas. Neste instante estou muito a fim de gerar essa troca com o público, quero explorar ainda mais sobre este lugar e momento no qual me encontro agora", ressalta a artista.
A ideia de produzir e publicar estes conteúdos partiu da própria #EquipeDaQuebrada, que notou um crescimento notável de público nos formatos mais voltados ao áudio, como podcasts e afins. Esse direcionamento também levou em consideração o próprio ponto de partida de Trava Línguas: a palavra, isto é, o corpo como palavra. "Quando me amparo na palavra, eu me acalmo. Meu corpo é a matéria prima dessa palavra, que podendo ser escrita, neste instante é falada e no disco se apresenta a partir de outras estéticas", detalha Linn sobre o universo oral que atravessará Trava Línguas do seu princípio ao fim.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS