Homem de 50 anos é preso ao tentar abusar criança de 8 anos

Cidades

 

O Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) realizou na tarde do último sábado, 1º, um procedimento de flagrante de um homem de 50 anos, conduzido pela Polícia Militar depois de tentar abusar sexualmente de uma criança de oito anos. O caso ocorreu no bairro Japãozinho, na zona norte de Aracaju.
Segundo a delegada Meire Mansuet, que ouviu a vítima e o autor do crime, a criança brincava com seu irmão, quando o homem o chamou para comprar um refrigerante em um comércio próximo. A criança foi no estabelecimento, comprou o refrigerante e quando retornou, foi levado para o fundo da casa do autor do crime.De acordo com o relato feito no plantão do DAGV e para os policiais militares que atenderam a ocorrência, a criança foi puxada para sentar no colo do investigado. Neste momento, a criança deu uma "cabeçada" no autor e conseguiu se soltar e correr para a rua novamente.
A delegada Meire Mansuet disse que a criança fez o relato para a mãe e que ela, imediatamente, acionou a Polícia Militar. A vítima ainda chegou a dizer na Delegacia que já escutou histórias sobre outros abusos praticados por esse homem contra outras crianças, informação confirmada por moradores.
A Polícia Militar precisou intervir, pois várias pessoas perseguiram o suspeito e com a possibilidade de princípio de linchamento. Ele foi detido e encaminhado para o plantão do DAGV, onde prestou depoimento até o final da tarde de sábado.

O Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) realizou na tarde do último sábado, 1º, um procedimento de flagrante de um homem de 50 anos, conduzido pela Polícia Militar depois de tentar abusar sexualmente de uma criança de oito anos. O caso ocorreu no bairro Japãozinho, na zona norte de Aracaju.
Segundo a delegada Meire Mansuet, que ouviu a vítima e o autor do crime, a criança brincava com seu irmão, quando o homem o chamou para comprar um refrigerante em um comércio próximo. A criança foi no estabelecimento, comprou o refrigerante e quando retornou, foi levado para o fundo da casa do autor do crime.De acordo com o relato feito no plantão do DAGV e para os policiais militares que atenderam a ocorrência, a criança foi puxada para sentar no colo do investigado. Neste momento, a criança deu uma "cabeçada" no autor e conseguiu se soltar e correr para a rua novamente.
A delegada Meire Mansuet disse que a criança fez o relato para a mãe e que ela, imediatamente, acionou a Polícia Militar. A vítima ainda chegou a dizer na Delegacia que já escutou histórias sobre outros abusos praticados por esse homem contra outras crianças, informação confirmada por moradores.
A Polícia Militar precisou intervir, pois várias pessoas perseguiram o suspeito e com a possibilidade de princípio de linchamento. Ele foi detido e encaminhado para o plantão do DAGV, onde prestou depoimento até o final da tarde de sábado.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS