Crediamigo cresce 55,6% em Sergipe

Cidades

 

O Crediamigo Banco do Nordeste, programa de microfinança urbana da instituição, já investiu, nos primeiros cinco meses de 2021, o total de R$ 5,20 bilhões, valor correspondente a 1,82 milhão de operações contratadas. Os empréstimos têm ticket médio no valor de R$ 3 mil e beneficiam microempreendedores de toda a área de atuação do BNB - os nove estados do Nordeste e o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.
Mesmo com o desafio da pandemia, de janeiro a maio deste ano, o Crediamigo registrou incremento de 12,38% no número de operações em relação a igual período do ano passado, quando foi contratado 1,62 milhão de empréstimos. Já o crescimento em termos de valores foi de 32,05%, números que destacam o Banco do Nordeste como o maior agente econômico indutor do empreendedorismo na Região.
Em Sergipe, os investimentos do programa no mesmo período registraram R$ 198,8 milhões, para o total de mais de 83 mil operações. Isso representa, em termos de valores, acréscimo de 55,66% no valor aplicado e incremento de 31,20% no número de empréstimos em relação a igual período de 2020, quando foi desembolsado R$ 127,7 milhões e foram contratados mais de 63 mil empréstimos.
"Este ano temos registrado resultados históricos em Sergipe. Além do crescimento no montante e no total de aplicações, superamos a marca de 100 mil clientes. O investimento na economia local reforça a importância do programa como ferramenta de fomento das atividades produtivas, uma vez que milhares de famílias são beneficiadas, por meio da geração e aquecimento de inúmeras oportunidades de negócios", diz o gerente estadual do Crediamigo em exercício, José Álysson Torres dos Santos.

O Crediamigo Banco do Nordeste, programa de microfinança urbana da instituição, já investiu, nos primeiros cinco meses de 2021, o total de R$ 5,20 bilhões, valor correspondente a 1,82 milhão de operações contratadas. Os empréstimos têm ticket médio no valor de R$ 3 mil e beneficiam microempreendedores de toda a área de atuação do BNB - os nove estados do Nordeste e o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.
Mesmo com o desafio da pandemia, de janeiro a maio deste ano, o Crediamigo registrou incremento de 12,38% no número de operações em relação a igual período do ano passado, quando foi contratado 1,62 milhão de empréstimos. Já o crescimento em termos de valores foi de 32,05%, números que destacam o Banco do Nordeste como o maior agente econômico indutor do empreendedorismo na Região.
Em Sergipe, os investimentos do programa no mesmo período registraram R$ 198,8 milhões, para o total de mais de 83 mil operações. Isso representa, em termos de valores, acréscimo de 55,66% no valor aplicado e incremento de 31,20% no número de empréstimos em relação a igual período de 2020, quando foi desembolsado R$ 127,7 milhões e foram contratados mais de 63 mil empréstimos.
"Este ano temos registrado resultados históricos em Sergipe. Além do crescimento no montante e no total de aplicações, superamos a marca de 100 mil clientes. O investimento na economia local reforça a importância do programa como ferramenta de fomento das atividades produtivas, uma vez que milhares de famílias são beneficiadas, por meio da geração e aquecimento de inúmeras oportunidades de negócios", diz o gerente estadual do Crediamigo em exercício, José Álysson Torres dos Santos.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS