Três presos e dois mortos durante operação contra o tráfico em Estância

Geral


  • As investigações iniciaram há oito meses e se concentram no bairro Candeal, próximo da BR-101, em onde foi cumprida a maioria dos mandados de prisão; os mortos teriam entrado em confronto

 

No início da manhã de 
ontem, as polícias Ci
vil e Militar deflagraram a "Operação Candeal", com o intuito de desarticular associação criminosa relacionada com a prática de diversos crimes violentos no município de Estância e em cidades circunvizinhas. As investigações foram coordenadas por equipes da Delegacia Regional de Estância. Até a tarde de ontem, três suspeitos foram presos e dois morreram após entrarem em confronto. Duas armas foram apreendidas, além de drogas. 
As investigações iniciaram há cerca de oito meses e se concentram no bairro Candeal, próximo da BR-101, em Estância, onde foi cumprida a maioria dos mandados de prisão. Durante os levantamentos, foram identificadas as práticas dos crimes de homicídios tentados e consumados, tráfico ilícito de drogas, porte e comercialização de arma de fogo e munições, roubos, dentre outros crimes.
De acordo com a polícia, a comunidade do Candeal vinha sofrendo muito com os crimes praticados pelos investigados. Os criminosos não se importavam nem mesmo com os familiares que por lá moravam.
Foram expedidos seis mandados de prisão preventiva e nove mandados de busca e apreensão. A maioria dos investigados tem mandados de prisão pelos crimes de tráfico e homicídios. Foram feitas buscas com os cães farejadores e o Grupamento Tático Aéreo da Secretaria da Segurança Pública (GTA) fez sobrevoos para identificar foragidos.
A ação conta com policiais da Delegacia Regional de Estância, da Coordenadoria das Delegacias do Interior (Copci), de diversas Delegacias do interior, do 6º Batalhão da Polícia Militar, do Canil da PM, Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) e da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol).

No início da manhã de  ontem, as polícias Ci vil e Militar deflagraram a "Operação Candeal", com o intuito de desarticular associação criminosa relacionada com a prática de diversos crimes violentos no município de Estância e em cidades circunvizinhas. As investigações foram coordenadas por equipes da Delegacia Regional de Estância. Até a tarde de ontem, três suspeitos foram presos e dois morreram após entrarem em confronto. Duas armas foram apreendidas, além de drogas. 
As investigações iniciaram há cerca de oito meses e se concentram no bairro Candeal, próximo da BR-101, em Estância, onde foi cumprida a maioria dos mandados de prisão. Durante os levantamentos, foram identificadas as práticas dos crimes de homicídios tentados e consumados, tráfico ilícito de drogas, porte e comercialização de arma de fogo e munições, roubos, dentre outros crimes.
De acordo com a polícia, a comunidade do Candeal vinha sofrendo muito com os crimes praticados pelos investigados. Os criminosos não se importavam nem mesmo com os familiares que por lá moravam.
Foram expedidos seis mandados de prisão preventiva e nove mandados de busca e apreensão. A maioria dos investigados tem mandados de prisão pelos crimes de tráfico e homicídios. Foram feitas buscas com os cães farejadores e o Grupamento Tático Aéreo da Secretaria da Segurança Pública (GTA) fez sobrevoos para identificar foragidos.
A ação conta com policiais da Delegacia Regional de Estância, da Coordenadoria das Delegacias do Interior (Copci), de diversas Delegacias do interior, do 6º Batalhão da Polícia Militar, do Canil da PM, Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) e da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol).

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS