Quinta, 26 De Maio De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

Tribuna


Avatar

Publicado em 12 de maio de 2022
Por Jornal Do Dia Se


Com Mitidieri
O Diretório Estadual do PDT se reuniu na noite de terça-feira (10), para discutir o cenário político local, o fortalecimento da sigla e a disputa eleitoral deste ano. No encontro, os membros da nova diretoria reafirmaram o apoio à pré-candidatura de Fábio Mitidieri (PSD) a governador.

Entusiasmado
Apesar de ter sido preterido da disputa, o prefeito Edvaldo Nogueira, presidente do PDT, é um dos mais entusiasmados. “Fizemos uma excelente reunião no diretório do PDT, na qual discutimos a situação política do estado, onde reafirmamos apoio à candidatura de Fábio Mitidieri e o nosso envolvimento no ato, que será realizado no dia 23, para lançamento oficial da sua pré-candidatura”, explicou.

Bancadas
Além disso, o PDT iniciou a discussão sobre as iniciativas que desenvolverá para o PDT crescer. “Vamos trabalhar muito para eleger uma bancada de três deputados estaduais e um federal”, afirmou Edvaldo.

Construção
Segundo Edvaldo, o PDT está construindo um projeto político de transformação e apresentará ideias, nas mais diversas áreas, para contribuir com o desenvolvimento de Sergipe. “É uma chapa muito boa, com lideranças, três deputados com mandato, mas também uma série de novos candidatos que, em seu conjunto, nos ajudarão bastante”, declarou.

Eletrobras
A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e Amazônia da Câmara dos Deputados promoveu debate ontem (11) sobre os impactos da privatização da Eletrobras para as regiões Norte e Nordeste. Também será debatido o uso múltiplo das águas nessas regiões.

Riscos
Na avaliação do deputado João Daniel (PT-SE), que propôs o debate, há um grande risco para o País com perda do controle público da Eletrobras, tanto na questão da soberania do setor elétrico, quanto ao perder o comando da grande da malha fluvial nacional.

Tarifas
Para João Daniel, “essa privatização provocará também um impacto direto para a cadeia produtiva na indústria, em especial nas regiões Norte e Nordeste, tendo em vista que os aumentos das tarifas de energia irão obrigar as empresas a procurarem outros países para desenvolver suas atividades, ou até suspendê-las”.

Governadores
O deputado Georgeo Passos (Cidadania) informou, nesta quarta-feira, que protocolou um pedido de revogação da Lei Nº 6.128/2007. Esta lei autoriza os ex-governadores a usar os serviços prestados por até quatro servidores públicos por oito anos após encerramento dos mandatos pagos pelo Poder Executivo.

Pacífico
O parlamentar falou que não é cabível este tipo de atitude já que o estado é pacífico e todos os sergipanos gozam do mesmo direito à segurança. Ele pediu apoio dos colegas deputados na votação desta revogação ainda sem data marcada para ser realizada.

Jackson
O deputado é contra o ex-governador Jackson Barreto usufruir o benefício. “Jackson tem a sua disposição dois oficiais da polícia e dois motoristas pagos pelo Governo do Estado de Sergipe, apenas por ter exercido o mandato de governador. Todos nós devemos ter a mesma segurança proporcionada pelos órgãos da secretaria de segurança pública”, afirmou.

Novas promessas
Depois dos professores, ontem foi a vez do pré-candidato a governador Valmir de Francisquinho (PL) prometer vantagens aos policiais civis, durante reunião no Sinpol.

Valorização
O que prometeu Francisquinho: “Reafirmo o meu compromisso com os policiais civis que exercem um papel fundamental na sociedade, mas que infelizmente não estão sendo tratados com o devido respeito e valorização pelo Governo do Estado”.

Candidato
O presidente do Sinpol, Adriano Bandeira, é candidato a deputado federal pelo mesmo partido de Valmir de Francisquinho.

Empresários
Com empresários, Valmir também prometeu: “Mostramos os benefícios da nossa gestão para a economia de Itabaiana, quando em oito anos foram abertas 1.810 empresas. Sou um pequeno empresário e sempre defendi que os governos sejam parceiros do setor que produz, gera empregos e impostos”.

Rogério
O senador Rogério Carvalho, pré-candidato do PT ao governo do estado, participa hoje de mais um debate para a elaboração do programa de governo, dentro da plataforma popular Sergipe de Todos. A partir das 18 horas, no Hotel Real Classic, na orla.

Agência
Foi divulgada também a agenda do senador no final de semana. Na sexta-feira, terá compromissos em Umbaúba, Cristinápolis, Tomar do Geru e Simão; no sábado estará em Estância e Boquim.

Rasgadinho
No domingo, o único compromisso de Rogério Carvalho é a participação no Rasgadinho, a partir das 10 horas, no bairro Cirurgia, em Aracaju. O bloco volta a desfilar após dois anos da pandemia da covid-19.

Concurso
O concurso para provimento de vagas na Coordenadoria Geral de Perícias (Cogerp/SE) também engloba o Instituto Médico Legal (IML). O certame prevê 15 vagas para peritos médico legistas, das quais 13 são para área geral e duas para a área de patologia. O concurso público já está autorizado pelo Governo do Estado e em breve será disponibilizado o edital do certame.

Em campanha
O jornalista e publicitário Carlos Cauê já assumiu a coordenação de marketing da campanha do deputado Fábio Mitideri (PSD). Por enquanto para fazer a pré-campanha, que vai priorizar as redes sociais.

Secom
Com a saída de Cauê, assumiu a Secom da Prefeitura de Aracaju a jornalista Tizah Braga, que já era diretora de Imprensa.

Pesquisa Quaest/Genial
Pesquisa Quaest/Genial divulgada nesta quarta-feira (11), mostra o ex-presidente Lula com chances de vitória no primeiro turno. Ele tem 46% das intenções de voto, enquanto Jair Bolsonaro, o segundo colocado, chega a 29%.
Com 46%, Lula possui mais votos que todos os outros candidatos somados (44%) e, portanto, há a possibilidade de vitória no primeiro turno.
Atrás de Bolsonaro aparecem: Ciro Gomes (7%), André Janones (3%), João Doria (3%), Simone Tebet (1%), Felipe D’Ávila (1%) e Luciano Bivar (0%). A categoria ‘branco/nulo/não vai votar’ chega a 6%, enquanto 3% estão indecisos. Num eventual segundo turno, em todos os cenários considerados, Lula lidera com ampla vantagem.
A pesquisa ouviu 2.000 pessoas de 27 estados, face a face, entre os dias 5 a 8 de maio. O índice de confiança, segundo o instituto, é de 95%. A pesquisa foi contratada pelo Banco Genial e registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número BR-01603/2022.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade