Segunda, 20 De Maio De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Prefeito autoriza obra de duplicação da ponte Godofredo Diniz


Avatar

Publicado em 26 de abril de 2024
Por Jornal Do Dia Se


A nova ponte TERÁ 160 metros de extensão COM três faixas de rolamento (Divulgação)

Foi autorizado pelo prefeito Edvaldo Nogueira, na manhã desta quinta-feira (25), uma obra que irá resolver um dos principais problemas de mobilidade urbana entre os bairros Jardins e Coroa do Meio: a duplicação da ponte Godofredo Diniz. Atualmente, a via não consegue comportar a quantidade de veículos que trafegam diariamente no local, principalmente durante os horários de pico. Realizada com recursos da própria Prefeitura, o serviço acompanha o ritmo de desenvolvimento e expansão da cidade, o que possibilitará um fluxo maior de veículos e um trânsito mais cômodo para todos os aracajuanos e turistas que passam pela região.
O prefeito Edvaldo Nogueira falou sobre a necessidade dessa obra de ampliação e como ela atende uma das principais demandas da cidade, que terá como resultado a melhoria na qualidade de vida das pessoas. “Para mim é uma felicidade dar ordem de serviço para essa obra. Ela carrega aspectos muito importantes, pois será a solução de um grande problema de mobilidade urbana de Aracaju, principalmente em horários de pico. Anteriormente, já havíamos feito um trabalho na rótula que solucionou o problema, mas a cidade cresceu, a quantidade de veículos aumentou e passamos a buscar outra saída para isso. A duplicação dessa ponte será uma obra linda e necessária”, disse.
De acordo com o prefeito, a gestão chegou a buscar recursos federais, mas não obteve êxito. “Ainda assim, a duplicação da Godofredo Diniz será feita com recursos da Prefeitura. Uma obra de R$ 41 milhões, montante desse porte utilizado pela primeira vez, com verba do Tesouro Municipal, para uma obra na cidade. Ela vai melhorar a vida das pessoas e está sendo possível graças à forma como a gestão administra o dinheiro público em benefício da população” disse.
A nova ponte contará com 160 metros de extensão, três faixas de rolamento, com seis metros de largura cada, duas faixas de passeio para pedestres, ciclovias, guarda-corpos, pavimentação asfáltica, acessibilidade e iluminação em LED. Ela será erguida de forma paralela à que já existe no local, com isso poderá comportar o dobro da capacidade que possui hoje, resolvendo o problema do trânsito naquela área.
A estimativa é de que sejam aplicadas mais de três mil toneladas de Concreto Asfáltico Usinado à Quente (CAUQ) e quase três mil metros cúbicos de concreto. Ainda na parte estrutural, será erguido um muro de gabião, com um metro de largura, como contenção do aterro e proteção das encostas. Além disso, será substituído o solo mole do rio por um solo arenoso em espessura de um metro. Para isso, a Prefeitura investe R$ 41,4 milhões.
“Todo mundo que vem da ponte em direção à Sementeira fica retido. Com isso, acaba ficando na ponte os veículos que precisam acessar a avenida Beira Mar. Com a nova ponte, paralela a essa que já existe, com as mesmas dimensões e características, ela vai permitir um acesso direto para a avenida. Com isso, pretendemos dar uma maior fluidez no tráfego que, atualmente, nos horários de pico, acaba ficando congestionado nessa região. A obra já foi iniciada e está sendo feita, no momento, uma sondagem para detalhar a instalação dos pilares. A fundação deles está prevista para começar daqui um mês. A obra tem um prazo de dois anos, pela sua complexidade e pela forma como será conectada, em seguida, à avenida Beira Mar”, detalhou o presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanização, Sérgio Ferrari.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade