Segunda, 15 De Abril De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Rogério pede que CNMP investigue atuação do MP em Sergipe


Avatar

Publicado em 08 de março de 2024
Por Jornal Do Dia Se


O senador Rogério Carvalho faz denúncia grave

O senador Rogério Carva lho (PT-SE) fez um discurso contundente na tribuna do Senado, na noite de quarta-feira, quando convocou os órgãos fiscalizadores federais para apurar denúncias de abusos, perseguições políticas e retaliações a opositores do governo Fábio Mitidieri (PT). Rogério perdeu o segundo turno das eleições de 2022 para Mitidieri, depois de vencer com folga no primeiro turno
Rogério Carvalho (PT-SE) pediu que o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) investigue a atuação do Ministério Público Federal de Sergipe e do Ministério Público estadual. Segundo o parlamentar, o estado vive uma situação em que “as pessoas são informadas de que serão investigadas e presas por conta de sua posição política e ideológica”.
– Não é natural uma pessoa chegar ao meio da rua e dizer para um ex-prefeito que ele vai ser preso no dia seguinte ou anunciar que alguém vai ser preso, se essa pessoa não é autoridade policial, é apenas um adversário político. E se concretiza, no dia seguinte, a prisão daquela pessoa que fora ameaçada.
Rogério também afirmou que a delegacia responsável por investigar corrupção e atos que lesem o patrimônio público de Sergipe age “seletivamente”, perseguindo adversários do governador Fábio Mitidieri.
– E, na sequência, em algumas comarcas, determinados promotores agem em torno daquele ou daquela que se coloca como adversário do governador. […] Eu quero aqui chamar a atenção do Conselho Nacional do Ministério Público. É sabido que, no meu estado, conselheiros do Tribunal de Contas chamam políticos que exercem mandatos de prefeitos ou prefeitas e dizem que aquele político tem que assinar esta ou aquela ficha de filiação, sob pena de ser investigado, sob pena de ser perseguido, sob pena de ser condenado. Isso é muito grave.
O senador disse que encaminhará a denúncia ao CNMP e solicitar providências no sentido de observar o que vem acontecendo no estado. Rogério destacou que o papel do Ministério Público é fundamental para o Estado Democrático de Direito e lamentou o fato das garantias que protegem o cidadão e as liberdade políticas e individuais não estarem sendo vigiadas.
 “As pessoas estão com medo de fazer denúncias”, concluiu o senador.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade