Terça, 21 De Maio De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Teatro de rua


Avatar

Publicado em 20 de abril de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Inspiração e exemplo (Divulgação)

Rian Santos
 
O Imbuaça é referência para todo mundo que faz teatro em Sergipe. Boa parte da turma que ganha a vida com caras e bocas, nos palcos e nas ruas de Aracaju, deve o primeiro contato com a arte dramática aos guerreiros sediados nas alturas do bairro Santo Antônio. 
Perguntem a Isabel Santos, diva pé no chão, aos sonhadores do grupo Boca de Cena. Todos os grandes em atividade na aldeia reconhecem de pronto o papel fundamental exercido pelo Imbuaça na sua formação pessoal e, sobretudo, na ideia de uma sensibilidade Serigy.
Todos os aplausos do mundo ainda são poucos. Excelência, resiliência e longevidade garantiram ao Imbuaça o respeitável título de mais antigo grupo dedicado ao teatro de rua em atividade no País, um feito para mais ninguém. 
Esta semana, em lugar de celebrar 45 anos entre quatro paredes, na sede do grupo, a trupe volta à carga com uma breve turnê local, no interior de Sergipe, graças ao Programa Funarte de apoio a Ações Continuadas – 2023, para Grupos e Coletivos Artísticos.
 
Imbuaça – O grupo Imbuaça, fundado em 1977, pelos atores Antonio do Amaral, Cícero Alberto, Francisco Carlos, José Amaral, Lindolfo Amaral Maria das Dores, Maurelina, Pierre Feitosa e Virgínia Lúcia, é fruto das oficinas realizadas na Escola Normal, em julho daquele ano, com os Diretores pernambucanos Lúcio Lombarde, Gilson Oliveira e José Francisco. 
A trupe se  dedicou à pesquisa de linguagem inspirada nas manifestações populares, cuja dramaturgia tem como base a Literatura de Cordel e a rua, seu espaço cênico.  
Ao longo de quatro décadas de atividades, o Imbuaça montou 32 textos, participou de quase todos os Festivais de Teatro do país, esteve 3 vezes em Portugal, excursionando em 18 cidades, representou o Brasil em eventos internacionais realizados em Cuba, México e Equador, além de ministrar oficinas de teatro de rua em todas as regiões brasileiras. 
O Imbuaça é o grupo de teatro de rua mais antigo do país e influenciou o surgimento de outros Coletivos a exemplo dos grupos “Alegria, Alegria”, “Quem tem boca é pra gritar, “Joana Gajuru”, das cidades de Natal, João Pessoa e Maceió, respectivamente.
 
Imbuaça apresenta A Peleja de Leandro na Trilha do Cordel:
 
Frei Paulo
Data: 20/04
Horário: 10h30
Local: Clube Social Dr. Rubens Andrade
Carira
Data: 20/04
Horário: 20h
Local: Praça Santa Cruz
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade