Segunda, 20 De Maio De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

TRIBUNA


Avatar

Publicado em 11 de abril de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Rogério
Do senador Rogério Carvalho (PT-SE), relator da CPI da Braskem, nas redes sociais: “A Braskem destruiu a vida de milhares de famílias e não deu a compensação necessária a elas. O choro do representante dos moradores é o mesmo de todos aqueles que perderam não apenas um lar, mas tudo que construíram naquelas localidades. Lamentável!”

Saúde
O deputado Ibrain de Valmir (PV) alertou ontem os governos municipais e estadual sobre o colapso no sistema de saúde para o atendimento às crianças. “A gente sabe o quanto é importante que o Estado se prepare e o Estado sabe que quando começam as chuvas há um colapso total no sistema de saúde. Isso é um alerta não só para o Governo Estadual, mas também para os municípios”, afirmou.

Falta UTI
Ele explicou que o número de pacientes aumenta nesta época do ano e, por este motivo, falta Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e médicos suficientes neste acompanhamento. Em aparte, a deputada Lidiane Lucena (Republicanos), que é médica, salientou que a alta da procura por atendimento médico também é influenciada pela pequena procura por vacinas.

Servidores
O deputado Georgeo Passos (Cidadania) falou, nesta quarta-feira (10), sobre as necessidades dos servidores que visitaram a Assembleia Legislativa de Sergipe. Os trabalhadores entregaram um ofício com os motivos para que a Alese faça o elo com o Poder Executivo na pauta envolvendo a devolução dos 14% que foram descontados dos aposentados.

Intermediação
Para Georgeo, é necessário que a Assembleia, em comissão, “possa ouvir os representantes e possa também fazer essa intermediação com o Poder Executivo para que se busque um cronograma, algo de concreto envolvendo essa pauta”.

Carmópolis
Os professores da rede municipal de ensino de Carmópolis vão paralisar suas atividades hoje e amanhã (12). Além de não receberem o salário de março, a categoria alega que está há três anos sem receber a atualização do piso salarial, que deve ser assegurada anualmente, com respeito a carreira, conforme determina a Lei Nacional 11.735/2008.

Pela prisão
Único deputado de Sergipe a participar da sessão da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara que aprovou parecer que mantém a prisão do deputado Chiquinho Brasão, acusado de envolvimento na morte de Marielle Franco, a Delegada Katarina (PSD) votou a favor da prisão.

Explicação
Nas redes sociais, a Delegada Katarina explicou: “É inadmissível que o parlamento sequer cogite a possibilidade de liberar um acusado tão gravemente implicado como Chiquinho Brazão. Obviamente, reiterei firmemente meu voto favorável à manutenção da prisão!”

Fake news
Após o presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL) anunciar, na terça-feira (9), a criação de um grupo de trabalho para debater um novo projeto de regulação das redes sociais, o deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), relator do PL 2630 – conhecido como PL das Fake News e que trata do mesmo tema -, declarou ter sido surpreendido com a decisão e reafirmou a urgência de se tratar a questão diante dos recorrentes abusos cometidos pelas big techs.

Supresa
Orlando Silva diz ter sido surpreendido com a informação de que será criado na Câmara dos Deputados um Grupo de Trabalho para discutir os temas tratados no relatório que elaborei para o PL 2630/2020″, afirmou Silva, em nota divulgada logo após a decisão. Para ele, “a omissão pode nos cobrar um preço elevado”.

Debate
Ele destacou o debate democrático que envolveu a construção do texto que apresentou: “Tenho orgulho do trabalho feito até aqui, que contou com uma contribuição extraordinária da sociedade civil, movimentos sociais, especialistas, do governo, de representantes de organizações internacionais e da qualificada consultoria da Casa”.

Alessandro
Do senador Alessandro Vieira (MDB), que é autor do PL das Fake News, que nomina de Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência na Internet: “De onde não se espera nada é que não vem nada mesmo! Rei Lira declara que não vai votar o 2630, mas vai criar um GT para discutir o assunto, que já não é simples, e ainda vai incluir Inteligência Artificial no debate. É a receita perfeita para não votar nada e esperar o Supremo”.

Normas
Alessandro disse que o intuito do seu projeto é criar normas para as redes sociais e serviços de mensagem como WhatsApp e Telegram. “Um dos principais objetivos é combater notícias falsas que possam causar danos individuais ou coletivos e à democracia. Importante lembrar que o projeto não trata de conteúdo, a regulamentação é da ferramenta, o conteúdo seguirá sendo livre, conforme determina a nossa Constituição”.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade