Sexta, 21 De Janeiro De 2022
**PUBLICIDADE
Publicidade

Fazer Filmes lança animação “Tia Ruth, uma história de amor”


Avatar

Publicado em 14 de janeiro de 2022
Por Jornal Do Dia Se


Os fundadadores da Avosos.

Acontece no próximo domingo (16), também integrando as celebrações aos 35 anos da Associação dos Voluntários a Serviço da Oncologia em Sergipe (AVOSOS), o lançamento on line da animação em Stop Motion de Marcelo Roque Belarmino: “Tia Ruth, uma história de amor”. A Fazer Filmes Produções recebeu recursos da Lei Aldir Blanc para desenvolver este lindo trabalho, que é baseado no livro de Geane Aguiar “A maravilhosa Casa Tia Ruth” (2013). O lançamento será às 17h pelo canal da Fazer Filmes no Youtube (youtube.com/c/FazerFilmes).
A animação conta, de maneira resumida, como Maria Ruth Wynne Cardoso (1929/2018), mais conhecida como Tia Ruth, passou pela sua infância simples e brincalhona até sua vida adulta em que constituiu família. A partir daí criou, junto com amigas e amigos, a Casa Tia Ruth de Apoio à Criança com Câncer/AVOSOS, instituições beneficentes sem fins lucrativos.
“Esta é uma obra de animação infantil em stop motion, sendo o primeiro curtametragem realizado com esta técnica de animação em Sergipe. Técnica de animação que tem como característica a fotografia de quadro a quadro da arte enquanto vai se movendo os objetos das cenas e posteriormente coloca-las (as fotos) em sequência para criar a animação. Dos personagens aos objetos que compõem as cenas tudo foi feito de maneira artesanal através dos minuciosos trabalhos em bordado (manual) da artista visual Adejania Nunes em toda a animação. Esta produção foi realizada com recursos da Lei Aldir Blanc, por meio da Funcap Sergipe em 2021”, informa o diretor Marcelo Roque Belarmino.
Segundo a presidente de Honra da AVOSOS, fundadora Jeane Vieira Melo, é emocionante ver a história de Tia Ruth contada de forma lúdica para todos nós e para o público infantil, especialmente neste momento de pandemia que precisamos fortalecer os exemplos de solidariedade. “Já tivemos acesso à animação e ficamos felizes com o trabalho tão cuidadoso da Fazer Filmes, do diretor Marcelo Roque Belarmino. Tia Ruthinha, na vida real, era mesmo como uma personagem desenhada por Deus para o filme da vida: suave, meiga, amorosa com todos, com um coração que não cabia no peito e que levava sempre um sorriso nos lábios e uma lágrima compartilhada de consolo às crianças com câncer e às mãezinhas, bem como a todos que pela Casa de Apoio passavam. Mulher forte, Tia Ruth nos ensinou muitos exemplos, especialmente a não desistirmos, lutando sempre com fé e alegria pela vida, oferecendo a melhor qualidade de vida aos assistidos durante e após o tratamento contra o câncer”, comenta a voluntária.

O diretor – Roque nasceu em 1968 em Maceió/AL e está radicado em Aracaju/SE desde os cinco anos de idade. É formado em Artes Visuais pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e Pós-graduado em Arte-Educação pela Faculdade São Luiz de França/SE. Exerceu atividades como artista plástico, designer gráfico e dedica-se ao trabalho de Cineasta desde 2004. Com a animação “As aventuras de Seu Euclides”, que fala da cultura popular de Sergipe, alcançou mais de 40 festivais de cinema pelo país ganhando inclusive prêmios. Trabalhou na Segrase – Serviços Gráficos de Sergipe (Gráfica do Diário Oficial) e é funcionário da Prefeitura Municipal de Aracaju desde 2002. Em 2017 abriu a Fazer Filmes Produções, empresa que ganhou o Edital da Lei Aldir Blanc para a realização deste curtametragem de animação.

**PUBLICIDADE
Publicidade


Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE
Publicidade


**PUBLICIDADE
Publicidade