Quinta, 30 De Maio De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Vítimas de acidente são enterradas em Lagarto


Avatar

Publicado em 16 de abril de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Foram sepultados na tarde de ontem os corpos das duas mulheres e uma criança, as quais foram vítimas fatais de um acidente de trânsito envolvendo dois carros, na SE-270, no município de Lagarto, região Centro Sul Sergipano. Pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/SE), foi informado que agentes do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) foram acionados na noite do último domingo, 14, para atender a grave ocorrência que deixou outras três pessoas feridas. Primeira equipe oficial a chegar no espaço, os policiais foram comunicados que o motorista de um dos veículos envolvidos na colisão havia fugido sem prestar assistência. Ainda na pista, testemunhas relataram os fatos que antecederam a batida.
Conforme registrado no Boletim de Ocorrência, condutores de veículos e pedestres presenciaram o momento em que ambos os carros envolvidos na ação trafegavam em direção à cidade de Salgado, quando o condutor evadido perdeu o controle, rodou na pista, e bateu lateralmente do automovem onde estavam as vítimas fatais. Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), foram acionados para realizar os primeiros socorros; as vítimas com sinais vitais foram encaminhadas para o Hospital Universitário de Lagarto; por apresentar quadro clinico mais grave, o condutor do veículo atingido foi transferido para o setor de traumas do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), na zona Norte de Aracaju.
Já as três vítimas fatais foram acolhidas pela Polícia Científica, através do Instituto Médico Legal (IML). Os corpos foram encaminhados para a sede do órgão estadual, na cidade de Nossa Senhora do Socorro, e liberados logo em seguida. O nome e a identidade de todas as vítimas não foram reveladas pela SSP, tampouco pela Secretaria de Estado da Saúde (SES). Procurado pelo setor de inteligência da Polícia Civil, até o final da tarde de ontem o motorista evadido não havia se apresentado em uma delegacia para ser ouvido. Por intermédio de técnicos da Delegacia Especial de Delitos de Trânsito, a técnicos da SSP deram início aos trabalhos de análise dos fatos e registro de depoimentos com a finalidade de elucidar este caso.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade