Sábado, 15 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

A mais antiga de Sergipe


Publicado em 06 de junho de 2024
Por Jornal Do Dia Se


60 anos de tradição (Jorge Henrique)

A quadrilha junina Século XX, a mais antiga de Sergipe, completou 60 anos em 2024. Com a chegada do mês de junho, o grupo dá início a uma maratona de apresentações em concursos e eventos espalhados pela capitalsergipana e interior, a fim de celebrar a tradição e a própria longevidade.
Atual campeã dos principais concursos de 2023, a quadrilha junina Século XX traz esse ano o tema “Se essa rua fosse minha”, numa bela homenagem à rua de São João, principal palco dos quadrilheiros sergipanos há mais de 100 anos.
Entre os concursos que a Século XX disputará neste mês de junho, estão os das TVs Atalaia e Sergipe, Sesc, Centro de Criatividade e Gonzagão.
“Foram meses de preparação do grupo, vários ensaios e muita dedicação para que o espetáculo seja apresentado da melhor maneira possível. O público sergipano e os turistas merecem o que iremos apresentar. A Século XX é tradição e amor ao São João”, garante a presidente da quadrilha junina, Val.
Em relação ao tema de 2024, o marcador Joel Reis afirma que a história a ser contada em homenagem à Rua de São João irá emocionar muita gente.
“Em nossa história, Maria Isabel, uma devota de São João, sonhava com uma rua que respirava os festejos juninos, onde os moradores e visitantes pudessem se encontrar e sentir a alegria de viver as tradições juninas. A partir de seu desejo, o Festeiro Junino reúne todos os moradores para criar essa rua tão sonhada e um ritual de tradições contemplaram a grande festa”, indica Joel.
Dentro das tradições que existe nos festejos juninos sergipanos, a Século XX colocará em cena o cortejo a São João, o ‘acorda povo’, a trezena de Santo Antônio, a tão esperada troca do mastro, o acendimento da fogueira com a beleza das espadas de fogo, e o tão sonhado concurso de carroças que João, noivo de Maria Isabel, se inscreve para ganhar e poder realizar seu casamento.
“Vamos embarcar em uma história cheia de tradição, cultura e homenagear a resistência e a importância dessa rua que é a maior tradição dos festejos juninos do estado de Sergipe”, garante Joel Reis, avisando que a Século XX vem aí ao som de forró, xote, xaxado, baião e muita quadrilha.
História – A quadrilha junina Século XX foi fundada no bairro Industrial, zona Norte de Aracaju, pelo senhor Francisco Bispo de São Pedro, em março de 1964.
Ao longo desses 60 anos de existência, já protagonizou inúmeros momentos de alegria nos festejos juninos de Sergipe, conquistou vários prêmios em concursos e também já representou o Estado em diversas atividades Brasil afora.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade