Quinta, 22 De Fevereiro De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Atletas sergipanos conquistam bons resultados nos Jogos da Juventude 2023


Avatar

Publicado em 22 de setembro de 2023
Por Jornal Do Dia Se


O Time Sergipe conquistou sete medalhas na competição.

Os Jogos da Juventude 2023 chegaram ao fim. Todos os atletas do Time Sergipe já voltaram para casa e trouxeram na bagagem resultados que orgulham e fazem valer todo o investimento feito pelo Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Seel). A delegação sergipana terminou a competição na 14ª colocação no quadro geral de medalhas, à frente de estados como Minas Gerais, Ceará, Maranhão, Mato Grosso do Sul e Tocantins.
O Time Sergipe conquistou sete medalhas na competição nacional escolar, organizada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), além de ter subido de divisão nas modalidades coletivas e a visibilidade proporcionada aos atletas sergipanos no cenário esportivo nacional.
Foram três medalhas de ouro no ciclismo, com o atleta Daniel Santos, da cidade de Porto da Folha; uma medalha de prata no wrestling, com o atleta Anthony Pedral; mais uma medalha de prata no judô, com a atleta Alexia Lima; uma medalha de ouro no vôlei de praia, com os atletas Caetano Encarnação e Gustavo Fontes; e a medalha de ouro conquistada no handebol masculino. Além da posição no pódio, os atletas do vôlei de praia e handebol masculinos também conseguiram subir de divisão e, na próxima edição dos Jogos da Juventude, irão competir na segunda divisão. 
O atleta Eddie Harrison, oriundo da Escola de Esportes José Gerivaldo Garcia, competiu nos Jogos da Juventude em duas modalidades esportivas: tiro com arco e ginástica artística, na qual conseguiu a quarta posição geral no salto sobre a mesa. No atletismo, alguns atletas também conquistaram bons resultados, como Yasmin Vieira, 2° lugar na série da semifinal dos 100 metros com barreiras e 2° lugar na série da semifinal dos 400 metros; Anderson dos Santos, 1° lugar na série da semifinal dos 200 metros; Fabrício Gustavo, 12° lugar geral no lançamento de disco; Maisha Vitória, finalista 7° lugar geral na marcha atlética; João Guilherme, finalista no salto em distância; e Marcos Vinícius, finalista no salto em altura.
A secretária de Estado do Esporte e Lazer, Mariana Dantas, parabenizou todos os atletas e técnicos e falou sobre a importância dessa visibilidade para os atletas sergipanos durante a competição. “Todos os atletas estão de parabéns, principalmente os que foram até o fim e conseguiram voltar para casa com a medalha no peito. Estamos muito felizes e orgulhosos desses resultados, que superaram os resultados do ano passado. Atletas e técnicos estão de parabéns. Esses resultados são excelentes para o nosso estado, que investiu tanto na participação de cada atleta na competição, mas também é importante para o desenvolvimento do esporte sergipano de forma geral, porque os atletas ganharam destaque nacional por causa do desempenho na competição e alguns até foram contatados por grandes clubes brasileiros, como o Gustavo Fontes, do vôlei de praia, e a Yasmin Vieira, do atletismo. Os Jogos da Juventude são uma importante oportunidade de visibilidade para os atletas sergipanos e para o trabalho que é desenvolvido aqui”, afirma a secretária. 
 
Jogos da Juventude – O Time Sergipe que representou o estado nos Jogos da Juventude 2023, na cidade de Ribeirão Preto, em São Paulo, estava formado por mais de 130 atletas de até 17 anos de idade, oriundos de escolas públicas e particulares do estado, participando de diversas modalidades esportivas, dentre judô, tênis de mesa, voleibol, wrestling, atletismo, basquete, vôlei de praia, águas abertas, triathlon, ginástica artística e rítmica, tiro com arco, ciclismo, badminton, handebol e taekwondo. Todos os atletas foram selecionados nos Jogos da Primavera, que aconteceram de 2 de maio a 17 de junho, em 50 cidades sergipanas. 
O traslado dos atletas do Time Sergipe até os Jogos da Juventude foi totalmente custeado pelo Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Seel), a partir de um investimento de mais de R$ 600 mil, entre passagens aéreas e ônibus. Além disso, a delegação sergipana também possuía um fardamento único e personalizado, custeado com patrocínio do Banco do Estado de Sergipe (Banese).
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE