Domingo, 23 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

CAMINHONEIRO É ASSASSINADO E MULHER GRÁVIDA FICA FERIDA


Publicado em 02 de agosto de 2012
Por Jornal Do Dia


Um casal foi atacado a tiros na noite de anteontem em Itabaiana (Agreste). O caminhoneiro Fábio de Jesus Santos, 31 anos, e sua esposa, Lidiane Nascimento Gomes, 21, foram baleados quando saíam da casa da mãe dela, no Loteamento São João. O crime foi cometido por dois homens armados que se aproximaram deles em uma moto e fizeram vários disparos. Fábio morreu no local, ao ser atingido nas costas e na cabeça. Já Lidiane, que está grávida de oito meses, saiu ferida nas costas, no pescoço e em um dos seios. A autoria do atentado ainda é desconhecida da polícia local.

Lidiane foi socorrida ao Hospital Regional Pedro Garcia Moreno, mas por conta do estado grave, acabou transferida para o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju. Segundo o boletim médico, ela encontra-se internada na Ala Vermelha e seu estado de saúde é estável. O bebê está fora de perigo e os médicos avaliam a possibilidade de antecipar o parto.  

Segundo informações da polícia, os motoqueiros atacaram o casal na rua, pelas costas e dispararam várias vezes, antes de fugir. Fábio estava ao lado da esposa e não teve tempo de reagir. A polícia foi chamada ao local e chegou a fazer buscas pelos assassinos, mas eles não foram encontrados. O crime é investigado pela Delegacia Regional de Itabaiana, que busca identificar, além dos autores e dos motivos, qual das vítimas seria o alvo do ataque dos marginais.

Não resistiu – O Instituto Médico-Legal registrou a morte de outro jovem baleado que estava internado e não resistiu aos ferimentos causados. O adolescente Leomar dos Santos Soares, 16, ferido no povoado Saquari, em Cristinápolis (Sul), com um tiro na cabeça. O crime aconteceu na noite de segunda-feira, quando a vítima foi levada direto para o Huse. Lá, ele ficou internado em estado grave na Unidade de Internamento para Pacientes Críticos (UIPC), onde morreu na tarde de anteontem. A delegacia de Cristinápolis também apura o caso sem ter, até o momento, pistas dos criminosos.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade