Sexta, 23 De Fevereiro De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

GILVAN MANOEL


Avatar

Publicado em 03 de fevereiro de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Pintura sobre tela de J.Inácio

 

Entrega da Deso

Foi publicado no Diário Oficial do Estado o aviso de audiência pública a respeito dos estudos para a concessão da prestação regionalizada e do Plano Microrregional dos serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário. A audiência ocorrerá nesta terça-feira (6), às 13 horas, na modalidade virtual.
O informe foi realizado pela Agência Sergipe de Desenvolvimento (Desenvolve-SE) e pela Secretaria-Geral da Microrregião de Água e Esgoto de Sergipe (Maes), em cumprimento à Lei Federal nº 11.445/2007. A audiência também diz respeito à Lei Complementar Estadual nº 398/2023.
O link para acesso à audiência será enviado aos inscritos. A agenda da reunião inclui introdução e apresentação do projeto às 13h, manifestações orais das 14h às 17h, considerações da mesa sobre as manifestações recebidas às 17h, e finalização até 18h.
É mais uma etapa dentro da proposta do governador Fábio Mitidieri em realizar a licitação para a entrega da Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso à iniciativa privada ainda neste primeiro semestre.

Piso dos professores

O Ministério da Educação (MEC) oficializou o valor do Piso Salarial Profissional Nacional do Magistério Público da Educação Básica (PSPN) para o exercício de 2024. A educação básica compreende a educação infantil, o ensino fundamental e o ensino médio.
O reajuste anunciado foi de 3,62% em relação ao valor de 2023. Com o aumento, o valor mínimo definido pelo governo para o salário de um professor passou para R$ 4.580,57. A remuneração é válida para a rede pública de todo o país, aos profissionais do magistério que lecionam em uma jornada de pelo menos 40 horas semanais.
A Portaria 61/2024 que trata do novo piso salarial dos professores foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União, na quarta-feira (31), e tem efeitos financeiros desde 1º de janeiro de 2024.
Porém, o reajuste não é automático. Os salários fixados são pagos pelas redes de educação de estados, municípios e do Distrito Federal, a partir de repasse da União, por meio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), além da arrecadação de impostos.

Tributar os super-ricos

A Campanha Tributar os Super-Ricos está promovendo mobilizações para taxar as fortunas e as altas rendas frente a novos estudos que comprovam ainda maior concentração da riqueza no Brasil e no mundo.
Formado por mais de 70 organizações, o movimento nacional disponibiliza estudos, projetos e subsídios para alterar o sistema tributário que concentra renda e riqueza, fazendo com que pobres paguem, proporcionalmente, mais do que os ricos.
Principais propostas da campanha – Correção das distorções do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) com alíquotas progressivas, elevação do limite de isenção para baixas rendas e revogação da isenção dos lucros e dividendos distribuídos; Imposto Sobre Grandes Fortunas (IGF) para riquezas das pessoas físicas que ultrapassarem a R$ 10 milhões, com alíquotas progressivas de 0,5%, 1% e 1,5%; Elevação da alíquota da Contribuição Social sobre Lucro Líquido (CSLL) do setor financeiro e do setor extrativo mineral; Criação da Contribuição sobre Altas Rendas das Pessoas Físicas (CSAR) incidindo sobre rendas anuais que ultrapassarem a R$ 720 mil, abrangendo apenas 60 mil contribuintes: Retirada do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e da Contribuição Sobre Lucro Líquido da composição dos tributos sobre empresas com receitas anuais inferiores a R$ 360 mil; e Instituição de Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE-Agrotóxicos), incidindo na produção e importação de agrotóxicos.

Mudança no TRE-SE

O desembargador Diógenes Barreto deverá ser o próximo presidente do Tribunal Regional Eleitoral, em substituição à desembargadora Elvira Maria de Almeida Silva. A escolha formal acontecerá no próximo dia 16, devendo a posse ocorrer no dia 23 deste mês.
Eleito, em dezembro último, como membro titular – classe desembargador – Diógenes já substitui Elvira no TRE hoje, mas só será alçado à presidência após a eleição prevista regimentalmente. Apenas desembargador pode assumir a presidência do TRE.

Tentativa de consenso

Ficou agendada para depois do Carnaval uma nova reunião do bloco governista para tentar obter consenso em relação ao candidato a prefeito de Aracaju. Na reunião da segunda-feira (29) não houve acordo.
Pelo menos dois nomes foram mantidos na reunião: a deputada federal Yandra Moura (União), filha do ex-deputado André Moura, e o secretário Luiz Roberto, indicado pelo prefeito Edvaldo Nogueira e que tem a simpatia do governador.
A primeira reunião do grupo para a discussão de candidaturas na capital ocorreu em 15 de janeiro. Além de Yandra e Luiz, o nome do vereador Fabiano Oliveira (PP) também está sendo analisado. E corre por fora a delegada Danielle Garcia, agora filiada ao MDB.
O governador Fábio Mitidieri já admite que o grupo deverá ter, ao menos, dois candidatos à Prefeitura de Aracaju.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade