Quinta, 18 De Julho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Governador e municípios envolvidos alinham o Programa ‘Prato do Povo’


Publicado em 02 de fevereiro de 2024
Por Jornal Do Dia Se


REUNIÃO DEFINE PROGRAMA (Arthur Soares/ASN)

O Programa ‘Prato do Povo’ começa a se firmar como um projeto de fortalecimento da política de segurança alimentar nutricional, operacionalizado por meio da descentralização da oferta de refeições para 21 municípios. 
No intuito de aperfeiçoar a efetivação do ‘Prato do Povo’, nesta quinta-feira (1º), aconteceu uma reunião com o governador Fábio Mitidieri, a equipe da Secretaria de Estado da Assistência Social, Inclusão e Cidadania (Seasic) e representantes dos municípios envolvidos. 
De acordo com o governador, o programa foi feito respeitando o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e visa atender a população mais vulnerável do estado em municípios que tenham até dez mil habitantes. “Por dia, serão ofertadas 200 refeições para pessoas cadastradas no Cadastro Único (CadÚnico), garantindo, assim, segurança alimentar e nutricional a essa parcela da população”, afirmou. 
Fábio Mitidieri falou da sua expectativa com a efetivação do programa. “A gente espera que o ‘Prato do Povo’ tenha êxito e que seja ampliado para mais municípios. Na segunda-feira, iniciaremos em dois municípios e, se houver necessidade de alguns ajustes, iremos fazer”, disse. 
 
Prato do Povo – O programa foi implementado por meio da Lei Estadual 9.228/2023 e logo após passou pela fase de formalização do convênio com o Governo Federal, processo de licitação e, na sequência, pela fase de contratação das empresas e execução plena do programa.
“Alinhamos que Cumbe e Macambira começam no dia 5 de fevereiro, e os demais municípios posteriormente”, disse o assessor de planejamento da Seasic, Marcelo Andrade, informando que, durante todo o processo, equipes da Seasic estiveram presentes em visitas técnicas aos municípios contemplados, desde a fase de apresentação do programa, alinhamento e mobilização das cidades, para que a população e empresários locais pudessem participar do programa. 
A entrega das refeições prontas às pessoas que serão atendidas pelo programa foi uma decisão que levou em conta facilitar o acesso à alimentação dos beneficiários, sem que tenham, para isso, que despender recursos para a preparação desse alimento. Além disso, o ‘Prato do Povo’ também estimula a produção agrícola nos municípios onde será executado, visto que o programa prevê que pelo menos 20% dos insumos utilizados sejam provenientes da agricultura familiar local. Tal medida contribui para o desenvolvimento socioeconômico e o fortalecimento dos produtores rurais da região.
A prefeita do município de Pedrinhas, France de Domingos, parabenizou o Governo do Estado pela ação. “Estou muito feliz que a população de Pedrinhas esteja dentro do programa nesta primeira fase”, comemorou.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade