Sexta, 21 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Hemose convoca doadores para reforçar o estoque


Publicado em 09 de agosto de 2012
Por Jornal Do Dia


Militares doam sangue

O Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) está convocando doadores para repor o estoque de sangue do tipo A Positivo e todos os tipos sanguíneos – A, O, B e Ab com fator Rh Negativo. A unidade precisa regularmente de novos doadores para atender os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). As bolsas de sangue coletadas são utilizadas para atender as transfusões nos serviços de urgência e emergência, cirurgias eletivas e portadores de doenças do sangue em todo o Estado.

Doar sangue é seguro, por isso qualquer pessoa em boas condições de saúde com 16 a 67 anos que queira prestar um ato de solidariedade pode comparecer ao Hemocentro de Sergipe e doar. O setor de coleta funciona de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h e nos sábados de 8h às 12h.

Para doar sangue, os voluntários devem apresentar um documento oficial com foto, como Carteira de Identidade, Carteira de Trabalho ou Carteira de Habilitação, válido em todo território nacional. É preciso ainda preencher um cadastro com informações básicas e responder a um questionário. Em seguida, os possíveis doadores passam por uma triagem, que serve para examinar os sinais vitais, a exemplo da pressão, pulso e temperatura.

Em cada coleta de sangue é preenchida uma bolsa com capacidade de 450 ml, o que representa menos de 10% do total de sangue de uma pessoa. Uma bolsa pode beneficiar até três pessoas, porque as hemácias, plaquetas e o plasma, componentes do sangue, podem ser aproveitados de acordo com a necessidade do paciente.

Militares doam sangue

Na manhã de ontem, um grupo de militares do curso de formação de sargento, realizado no Centro de Aperfeiçoamento de Praça (CFAP) da Polícia Militar do Estado de Sergipe, compareceu ao Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) para contribuir com o serviço de doação de sangue. A iniciativa dos militares atende ao pedido feito pela instituição para que a população possa contribuir com o estoque de sangue que está reduzido.

De acordo com o monitor do grupo, sargento Célio Nascimento Barreto, a proposta de mobilizar os militares surgiu depois que eles tomaram conhecimento que as doações sangue do Hemose estão reduzidas a cada dia. "O comandante do corpo de alunos, capitão Vitor, reuniu os militares e falou da situação", conta ao informar que na próxima semana será mobilizado um novo grupo para contribuir com a doação.

O militar José Antonio Dias é portador do sangue A Positivo, ele presta serviço na 3ª Companhia do 2º Batalhão de Própria; Carlos Alberto Moura, AP Positivo, trabalha na 3ª Companhia do 4º Batalhão de Nossa Senhora da Gloria. Eles doaram sangue pela primeira vez. "Hoje é minha primeira doação. Resolvi vim doar para ajudar a melhorar o estoque", disseram os militares.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade