Sexta, 12 De Julho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Jeferson diz que Assembleia trabalha para honrar a história


Publicado em 25 de outubro de 2023
Por Jornal Do Dia Se


A Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) se engajou nas comemorações do Dia da Sergipanidade. Deputados utilizaram a tribuna para falar sobre a data, a Escola do Legislativo (Elese) promoveu palestras sobre o tema e o presidente da Casa, Jeferson Andrade (PSD), se manifestou pelas redes sociais.
Em sua mensagem, Jeferson falou de pertencimento e sensibilidade. “Eu gosto da terra, das águas, das matas e das pessoas. Como sergipano, trabalho firme, ao lado dos demais deputados da Assembleia Legislativa, para honrar a história, preservar a cultura e as artes e avançar para o futuro, sempre com esse forte sentimento no peito”, declarou ele.
A Alese, diz o presidente, é uma instituição comprometida com a promoção dos valores republicanos, democráticos, da cidadania e da sergipanidade. No mês passado, a Casa reativou o seu do Espaço Cultural, dedicado à valorização dos artistas e das manifestações culturais sergipanas.
Já a Elese, acrescenta Jeferson, trabalha, durante o ano todo, temas sobre história sergipana, por meio de rodas de conversas com autores e palestras com estudiosos do assunto. Nesta terça-feira (24), a Escola convidou o doutor em Sociologia, Dênio Azevedo, para discorrer sobre o Dia da Sergipanidade.
No plenário, ontem, quatro deputados discursaram sobre sergipanidade. Linda Brasil (Psol) disse que o 24 de outubro é uma data para se comemorar a identidade do povo sergipano. Marcelo Sobral (União Brasil) afirmou que a sergipanidade está na arte, na cultura e nas tradições passadas de geração a geração. Manoel Marcos (PSD) declarou que o sergipano é um povo trabalhador que luta diariamente por sua independência. E Lidiane Lucena (Republicanos) destacou a programação do Museu da Gente Sergipana alusiva ao Dia da Sergipanidade.
Lei – O Dia da Sergipanidade foi criado pela Lei 8601, de novembro de 2019. Antes, Sergipe comemorava sua independência em relação à Bahia em duas datas: 8 de Julho (data da assinatura do Decreto de D. João VI) e 24 de Outubro (data em que o Decreto chegou a Sergipe). Com a lei, o 24 de outubro foi transformado no Dia da Sergipanidade.
A data serve para reafirmar a identidade do povo sergipano, estimulando a realização de atividades artísticas e culturais que exaltem o orgulho de pertencer a Sergipe. É um sentimento de pertencimento em relação aos costumes, tradições, saberes e fazeres sergipanos.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade