Terça, 23 De Julho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

"Lutando pela Cidadania" investe nas artes marciais


Publicado em 05 de agosto de 2012
Por Jornal Do Dia


O secretário municipal de esportes Antonio Hora Filho está entusiasmado com o Projeto "Lutando pela Cidadania"

A oportunidade de ensinar o domínio da técnica das artes marciais para crianças e adolescentes residentes em zonas de vulnerabilidade da capital. Esta é a grande iniciativa do ‘Projeto Lutando pela Cidadania’ promovida pela Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel). O projeto piloto será inicialmente implantado no bairro 17 de Março, na Zona de Expansão, e compreenderá 15 diferentes modalidades de lutas, como karatê, muay thai, judô, taekwondo, capoeira, jiu-jitsu, kickboxing, kung fu, aikido e boxe.

As práticas esportivas serão realizadas em um galpão totalmente equipado e adequado para o treinamento, que futuramente se constituirá em um Centro de Artes Marciais. O período de aulas acontecerá em horários diversos, contemplando alunos que estudem no período matutino ou vespertino. Aliado ao projeto esportivo, ainda será desenvolvido um programa de acompanhamento disciplinar com profissionais da áreas de pedagogia e psicologia.

Segundo o secretário municipal de Esportes, Antônio Hora, o processo seletivo dos instrutores já foi finalizado e conseguiu reunir 15 profissionais especializados em lutas marciais. A intenção é que bolsistas beneficiados pelo programa Bolsa Atleta também participem do curso, auxiliando os instrutores durante as aulas. "O critério de seleção avaliou o nível de especialização dos candidatos e a sua preparação esportiva para o ensino da modalidade em que pleiteou a vaga", explica o secretário, enfatizando a participação das Federações Esportivas Estaduais de Artes Marciais no processo de montagem do programa pedagógico do curso.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE