Quinta, 20 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Obras do complexo viário entram em nova etapa


Publicado em 24 de julho de 2012
Por Jornal Do Dia


NOVAS VIAS - AS OBRAS DO COMPLEXO VIÁRIO DO RIO POXIM SEGUEM EM ANDAMENTO ACELERADO E ESTA SEMANA ENTRAM EM UMA NOVA ETAPA

A Prefeitura de Aracaju, por meio da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), vai interligar os bairros Jardins e Santa Maria. As obras do complexo viário do rio Poxim seguem em andamento acelerado e esta semana entram em uma nova etapa. Nesta segunda-feira, 23, equipes da empresa iniciaram as obras de alargamento da avenida Paulo VI, no bairro Inácio Barbosa.

As obras, que vão transformar a paisagem dos bairros Inácio Barbosa e Farolândia estão sendo executadas simultaneamente em dois trechos: o primeiro que vai do viaduto até a ponte, incluindo a avenida Paulo VI, e o segundo, da ponte até a avenida Canal 4. No total, cerca de 100 profissionais trabalham diariamente no local. A expectativa da administração municipal é de que a obra seja concluída em dezembro deste ano.

Redução das calçadas – Dentre as obras que estão sendo executadas nessa nova etapa, a redução das calçadas da avenida Paulo VI já foi iniciada. A largura, que atualmente é de cerca de cinco metros, deve ser reduzida para o comprimento estabelecido no projeto, que é de dois metros. A avenida deverá ser ampliada para o tamanho total de 20 metros de largura. Cada mão da via terá 8,5 metros com mais três metros da ciclovia.

"Num primeiro momento, os passeios danificados serão recuperados com concreto desempolado. Essa medida paliativa será adotada, visto que novos danos poderão surgir ao longo da obra. Após o término do projeto, todas as calçadas serão recuperadas com a pavimentação original", garante o presidente da Emurb, engenheiro Osvaldo Nascimento.

Diálogo – Apesar de alguns moradores da via demonstrarem insatisfação em relação à redução das calçadas, o presidente da Emurb esclarece que desde dezembro de 2008 o projeto de implantação do novo eixo viário da capital vem sendo discutido com a comunidade do Inácio Barbosa. Em audiências públicas, o projeto foi apresentado e detalhado por técnicos do órgão e da Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan), que também apresentou em 2010 o Relatório de Impacto de Vizinhança, demonstrando a viabilidade de execução da obra.

"Essa é uma medida que os moradores já tinham tomado conhecimento previamente. Mesmo assim, fizemos questão de distribuir no dia 13 deste mês um comunicado em todas as residências da via, informando sobre as alterações que seriam feitas na estrutura das calçadas", esclarece o engenheiro.
Alguns moradores já se anteciparam à execução das obras e iniciaram as mudanças na largura das calçadas a fim de possibilitar o andamento dos serviços de escavação do leito da avenida. No local, um condomínio residencial de prédios já iniciou a relocação da guarita com a alteração da entrada e saída de veículos.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade