Domingo, 23 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Osmário Santos morre por complicações provocadas por Alzheimer


Publicado em 17 de maio de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Osmário Santos foi o idealizador do famoso passeio de barcos tototó, no dia do aniversário de Aracaju (Divulgação)

Vítima de complicações provocadas pelo Alzheimer foi velado e sepultado no final da tarde desta quinta-feira (16), o corpo do jornalista e escritor Osmário Santos, 72 anos. A constatação do óbito foi assinada por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e peritos do Instituto Médico Legal (IML), na residência da filha do comunicador, em Aracaju. Paralelo à dedicação ao jornalismo – sobretudo o impresso -, Osmário é autor dos livros: ‘Oxente! essa é a nova gente’ e ‘Memórias de políticos de Sergipe no século XX’. Apaixonado pela cultura e belezas naturais do estado de Sergipe, no ano de 2003 criou o passeio ‘Aracaju de Tototó’, quando as embarcações flutuavam pelas águas dos rios Poxim e Sergipe.
Diante da confirmação da morte por intermédio de familiares, a direção executiva do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Sergipe (Sindijor/SE), e da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), lamentaram a passagem. Em nota pública, as entidades de representação classista compartilharam o seguinte texto: “Indiscutível referência na apuração dos fatos e produções textuais responsáveis por formar múltiplas opiniões com base na verdade, ao longo das últimas cinco décadas de dedicação ao jornalismo sergipano assumiu protagonismo em decorrência do seu mais alto gabarito funcional. Amigo, escritor, apaixonado pela cultura regional e professor – sobretudo para as novas gerações -, deixa um legado de dedicação e amor às respectivas atuações profissionais.”
Os senadores da República, Rogério Carvalho (PT), e Alessandro Vieira (PSDB), utilizaram as redes sociais para emitir nota de pesar. “A notícia do falecimento do jornalista Osmário Santos deixa um vazio na imprensa e cultura de Sergipe. Sua trajetória será sempre lembrada com carinho e respeito por todos nós. Nossos sentimentos à família e amigos neste momento difícil”, escreveu o petista. Já Vieira publicou: “Recebi com tristeza a notícia do falecimento do jornalista Osmário Santos, uma figura ilustre do jornalismo sergipano. Sua famosa coluna no Jornal da Cidade e seus registros de personalidades deixaram uma marca indelével na cultura e na história de Sergipe. Sua trajetória será sempre lembrada com carinho e respeito por todos nós. Nossos sinceros sentimentos à família e amigos neste momento difícil.”
Edvaldo Nogueira, prefeito de Aracaju, reverenciou o jornalista como: “um dos mais influentes nomes do colunismo social sergipano”. O velório foi iniciado às 11h, e o sepultamento aconteceu às 16h10; ambas as cerimônias fúnebres no cemitério Colina da Saudade, zona Oeste da capital sergipana.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade