Quarta, 28 De Fevereiro De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

SSP apresenta reduções de homicídios e latrocínios no estado


Avatar

Publicado em 06 de janeiro de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Sede do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri)

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) apresentou os números dos crimes violentos registrados em Sergipe durante o ano de 2023 e trouxe comparativos com anos anteriores, a exemplo de 2016, quando houve alta nos índices de criminalidade no estado. Entre 2016 e 2023, os homicídios diminuíram 65,7%. Já os latrocínios, tiveram queda de 91,4% quando o comparativo é feito entre 2017 e 2023, conforme a Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Ceacrim).
De acordo com o levantamento feito pelo Ceacrim, há oito anos Sergipe enfrentava um cenário de alta nos índices de criminalidade. Em 2016, foram registrados 1.306 homicídios dolosos. Oito anos depois, em 2023, foram registrados 448 homicídios dolosos, representando a queda de 65,7%.
Em termos de taxa de mortes por 100 mil habitantes, a Ceacrim identificou que em 2016, quando houve alta nos índices de criminalidade em Sergipe, a taxa de homicídios dolosos foi de 57,64 mortes por 100 mil habitantes. O dado indicava que, a cada 100 mil pessoas, pelo menos 57 foram mortas em homicídios em que os autores tinham a intenção de cometer o crime.
 
Comparativo 2022 e 2023 – Quando o recorte é feito apenas comparando os anos de 2022 e 2023, a CEACrim identificou uma queda de 22,6% na incidência de homicídios dolosos, número que também evidencia a série histórica registrada desde 2016. Enquanto que em 2022 ocorreram 579 homicídios dolosos, em 2023 aconteceram 448 crimes. No período, ao menos 131 vidas foram preservadas em comparativo entre 2022 e 2023.
Para o coordenador de estatística da SSP, Sidney Teles, a queda na incidência dos crimes contra a vida em Sergipe também leva em consideração o aumento da população no decorrer dos anos. “Só é possível fazer essa série histórica porque a metodologia que nós utilizamos no Ceacrim é a mesma pois, em caso contrário, seria um erro de estatística. E a população foi aumentando, o que evidencia a redução”, ressaltou.
 
Latrocínios – Outro crime contra a vida que também apresentou redução na série histórica no estado é o de latrocínio, que é o roubo que tem como consequência a morte da vítima. Conforme o levantamento feito pela Ceacrim, em 2017 – ano com maior incidência desse tipo de crime em Sergipe nos últimos anos – ocorreram 58 latrocínios no estado. Já em 2023, o número caiu para cinco casos de latrocínio registrados em Sergipe. A queda foi de 91,4%.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade