Sábado, 20 De Abril De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

TSE assina acordo com PF e AGU para combater fake news nas eleições


Avatar

Publicado em 04 de abril de 2024
Por Jornal Do Dia Se


O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, assinou nesta quarta-feira (3) acordos de cooperação técnica com a Polícia Federal (PF) e a Advocacia-Geral da União (AGU) para fortalecer o combate às fake news nas eleições.
As duas instituições vão contribuir com as ações do Centro Integrado de Enfrentamento à Desinformação e Defesa da Democracia (Ciedde) inaugurado este mês pelo Tribunal.
Moraes explica que a AGU será o braço jurídico do centro e a PF vai investigar os perfis falsos de quem propaga fake news.
O Centro já está operando, interligado on-line, 24 horas por dia, com os 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).
Nele, já estão atuando o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (CFOAB), o Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).
Na assinatura do acordo, Moraes afirma que as ações do centro vão combater esse “mal do século 21, que é a desinformação”.
“O combate à desinformação nas eleições nada mais é do que a defesa do voto do eleitor. O eleitor não pode ser induzido por notícias falsas. É dever da Justiça Eleitoral, nosso dever Constitucional garantir ao eleitor a liberdade na hora da escolha do voto e que ele tenha a acesso a todas as informações verdadeiras”, defende.
O presidente do TSE antecipa que será lançado um protocolo de ações com todas as instituições envolvidas Ciedde.
“Estávamos aguardando a assinatura com a PF e a AGU para que participassem dessa construção também. As Big Techs também foram convidadas a opinar para que esse protocolo seja o mais simples possível de operacionalizar”, disse o ministro.
“É uma grande satisfação integrar esse centro de enfretamento à desinformação e defesa da democracia. Hoje, não podemos falar de defesa da democracia sem combate à desinformação”, considera o advogado-geral da União, Jorge Messias.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade