Domingo, 23 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

As vítimas da guerra


Publicado em 15 de novembro de 2023
Por Jornal Do Dia Se


Editorial

Os relatos dos brasileiros repatriados, após viver a guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas, na Palestina, lança por terra qualquer filiação ideológica, sob o pretexto de compreensão do conflito. Motivações à parte, resta o horror.
Embora não seja um alvo declarado das tropas de Israel, a população da Palestina não é poupada dos bombardeios. Os civis, mulheres e crianças incluídas, pagam com a própria vida e os nervos em frangalhos pelos atentados dos terroristas.
O governo brasileiro acerta, portanto, ao defender uma alternativa diplomática, a fim de evitar um conflito prolongado. A preocupação declarada do presidente Lula é com os brasileiros na Faixa de Gaza, em primeiro lugar. Além de crianças, mulheres, israelenses e palestinos inocentes, as vítimas da guerra.
Não se trata de pouca gente. Desde o início do conflito no Oriente Médio, 1.477 cidadãos – 1.462 brasileiros, 11 palestinos, três bolivianas e uma jordaniana – e 53 animais domésticos foram resgatados pelo governo brasileiro.
O presidente, que recepcionou e abraçou os repatriados na Base Aérea junto com diversos ministros, afirmou que o governo brasileiro continuará tentando buscar todos os que quiserem sair da região do conflito e voltar para o Brasil ou, no caso de estrangeiros, acompanhar os parentes brasileiros.
“A gente vai fazer todo o esforço que estiver ao alcance da diplomacia brasileira para tentar trazer todos os brasileiros que lá estão e que queiram vir para o Brasil”.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade