Sexta, 21 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

JACKSON SUSPEITA DE USO DE VERBAS DA AL


Publicado em 17 de agosto de 2012
Por Jornal Do Dia


JACKSON: DINHEIRO DA AL NA CAMPANHA

Um contrato feito entre a Assembléia Legislativa de Sergipe e a Rede Ilha de Comunicação no valor de R$ 1,7 milhão tem sido alvo de diversos comentários, inclusive do vice-governador Jackson Barreto (PMDB), que na manhã desta quinta-feira (16), chegou a insinuar que a verba paga pela AL à emissora,poderia estar sendo usada na campanha do PSC, no interior do estado.

Jackson Barreto disse que o contrato é "grave, grave, gravíssimo e, por coincidência, a presidente é do PSC do senador Eduardo Amorim. Eu gostaria de saber para onde está indo esse dinheiro. E não me vem com essa história de que a rádio é dos meus filhos. Será que está sendo gasto na campanha do partido da presidente?", disse Jackson.
Até o momento a deputada Angélica Guimarães não se pronunciou sobre o assunto e segundo Jackson Barreto ela (Angélica) faz questão de ficar calada. "É preciso saber se isso vai continuar. Ela não fala porque deve estar envergonhada, encabulada. A senhora deve satisfação à sociedade", cobrou o vice-governador.

Comparação – Ainda na mesma linha de critica sobre o valor do contrato, Jackson fez comparações com os acordados com as emissoras de televisão. "Você veja bem. Com a televisão é cerca de R$ 30 mil e com a rede Ilha é R$ 1,7 milhão. Nós queremos saber como é que a Ilha recebeu um milhão e setecentos mil reais", questionou.

Jackson também prometeu que fará em suas viagens ao interior do estado "investigação" para saber se esse dinheiro está sendo usado na campanha do PSC. "Eu quero saber se o dinheiro está sendo usado para ajudar o partido da presidente da AL. Eu nas minhas viagens ao interior do estado vou procurar saber onde este dinheiro está sendo gasto", avisou Jackson Barreto questionando:  "Ou será que já estão se preparando para 2014. Se agora é esse valor, em 2014 serão dez milhões de reais", concluiu.

Jarro e frango – Sobre as declarações feitas pelo deputado federal André Moura (PSC), de que ele (Jackson) "era um vaso velho", o vice-governador voltou a disparar. "No meu jarro não cabem os frangos que você tirou da boca de crianças pobres. André é aquele que foi condenado por ter desviado verba da merenda escolar. Ele desviou frango da comida de crianças pobres. Na verdade ele não sabe de nada. André é aquele que fez ciências ocultas e letras apagadas", ironizou.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade