Quarta, 17 De Abril De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Matheus Milet é o diretor de futebol do Confiança


Avatar

Publicado em 02 de março de 2024
Por Jornal Do Dia Se


O goleiro do Confiança, Jeferson Souza, usou as redes sociais para fazer um desabafo (Divulgação)

O Confiança acertou a contratação de Matheus Milet para ser o novo diretor de futebol do Dragão. O profissional estava no Azuriz-PR e foi vice-presidente do Confiança entre 2022 e 2023. Ele retorna ao clube para a sequência da temporada 2024.Matheus Milet já está em Aracaju e iniciou os trabalhos no Sabino Ribeiro nesta sexta-feira (1).
Paulo Massaro – O técnico Paulo Massaro teve a saída do Confiança confirmada na madrugada desta quinta-feira depois de apenas nove partida à frente da equipe. Apesar de ter bons números, a impressão que ficou é que, nos grandes testes, o time não correspondeu em termos de resultados.
O Dragão foi eliminado para o Retrô na primeira disputa pré-Copa do Nordeste, dentro de casa, perdeu o clássico para o Sergipe no estadual e agora foi eliminado na Copa do Brasil pelo Murici-AL.
Com mais uma mudança no comando técnico do time, a gestão do presidente Pedro Dantas chegou a marca de trocar de treinador, em média, a cada 15,25 partidas. Ao todo, foram quatro técnicos.
Paulo Massaro foi quem teve o melhor aproveitamento, com 70,37%. Vinicius Eutrópio foi o único que conseguiu completar um ano no Sabino Ribeiro. Fora ele, o clube não tem conseguido regularidade com os treinadores. O novo comandante proletário ainda não foi anunciado.
Os números dos técnicos na gestão de Pedro Dantas:
Felipe Maestro, de 14/04/2022 a 18/06/2022: nove jogos, duas vitórias, três empates e quatro derrotas. Aproveitamento de 33,3%;
Vinicius Eutrópio, de 20/06/2022 a 17/07/2023: 36 jogos, 18 vitórias, sete empates e 11 derrotas. Um aproveitamento de 56,48%;
Luizinho Vieira, de 17/07/2023 a 26/08/2023: seis partidas, quatro vitórias e duas derrotas. Aproveitamento de 66,6%;
Paulo Massaro, de 8/11/2023 a 29/02/2024: nove jogos, seis vitórias, um empate e duas derrotas. Aproveitamento 70,37%.
 
Diretor – Matheus Milet é o novo diretor de futebol do Confiança. Profissional retorna ao Dragão depois de passagem pelo futebol paranaense. O Confiança anunciou na manhã desta sexta-feira a contratação de Matheus Milet para o cargo de diretor de futebol do clube. Ele chega para substituir Lucas Nóbrega, que deixou o Dragão na última semana.
Milet assumiu a direção do departamento de base do Confiança em 2017 e foi vice-presidente do clube entre 2022 e 2023. Recentemente, ele estava na direção de futebol do Azuriz-PR.
O novo diretor de futebol da equipe proletária já está em Aracaju e iniciou os trabalhos no Sabino Ribeiro nesta sexta-feira.
 
Vendade ingressos – Na manhã desta sexta-feira (1), o Confiança iniciou as vendas de ingressos para o duelo contra Itabaiana, que acontece no domingo (3), às 17h, no Batistão. Para as cadeiras azuis, os valores são de R$25 a meia entrada e R$50 a inteira. Já para as cadeiras brancas, os ingressos custam R$50 a meia entrada e R$100 a inteira. 
As entradas estão sendo vendidas no Shopping do Dragão (Pedro Calazans e 13 de Julho), na loja Torcidaz Store do Shopping Riomar, e no site www.futebolcard.com.Os sócios-torcedores adimplentes dos planos Dona Finha, Coronel Genivaldo Couto e Sabino Ribeiro possuem entrada gratuita.
 
Goleiro desabafa – O goleiro Jeferson Souza, usou as redes para desabafar após eliminação na Copa do Brasil para fazer um desabafo: “Dor que ainda irá doer”.
O goleiro do Confiança, Jeferson Souza, usou suas redes sociais para compartilhar sua profunda tristeza após a eliminação da equipe na Copa do Brasil, sofrendo uma derrota por 2 a 1 para o Murici. Em sua postagem, Jeferson expressou a intensidade da dor que sente, afirmando que essa eliminação não foi apenas mais um jogo para ele, mas sim um passo atrás em seus objetivos tanto profissionais quanto pessoais.
Ele descreveu a dificuldade em aceitar e entender a derrota, ressaltando que para alguém imerso no mundo do futebol e dedicado diariamente ao esporte, como ele, isso é ainda mais desafiador, especialmente considerando as circunstâncias da partida.
Apesar da angústia, Jeferson destacou sua experiência de 14 anos no futebol profissional, enfatizando que o futebol é dinâmico e que sempre há outra oportunidade de lutar e vencer. Ele enfatizou a necessidade de se reconstruir e se reerguer para a próxima batalha, que já está próxima, mostrando determinação e foco em superar esse revés e buscar o sucesso no futuro.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE