Domingo, 14 De Abril De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Pai e filho morrem em Itabaiana em confronto policial


Avatar

Publicado em 15 de dezembro de 2023
Por Jornal Do Dia Se


Após resistir com violência uma ordem policial, pai e filho morreram na manhã de ontem no município de Itabaiana, região Agreste Centra Sergipano. De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/SE), a Superintendência da Polícia Civil investigava a dupla por suspeita de praticar extorsão e ameaça contra comerciantes do próprio município de Itabaiana pelo menos ao longo dos últimos dois anos. Após serem atingidos, sem demonstrar novas reações, ambos receberam assistência por parte de profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiram aos ferimentos e evoluíram para óbito. Com os acusados foram encontradas duas armas de fogo, utilizadas no confronto protagonizado com servidores da Segurança Pública.
Responsável por conduzir a operação e as investigações, o delegado Fábio Alan revelou no início da tarde de ontem que um dos investigados era conhecido na região pela prática de pistolagem, além de haver em fase de apuração, três homicídios atribuídos a ele. No que se refere ao acusado de maior idade [pai], o setor de inteligência da SSP recebeu denúncias indicando que ele atuava como um suposto segurança na região do mercado municipal. Durante a tentativa de venda dos seus serviços, o homem costumava informar aos comerciantes que, caso não dispusesse de segurança patrimonial, furtos poderiam acontecer, e, consequentemente, contabilizar prejuízos.
“Ele extorquia os comerciantes em troca de uma suposta segurança. Ele dizia que as pessoas podiam ser vítimas de roubos e furtos na região”, informou o delegado. Em Aracaju – durante ação simultânea deflagrada em Itabaiana -, a Polícia Civil também anunciou ordem de prisão contra um homem suspeito de praticar homicídio na capital sergipana. Com o apoio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), os agentes abordaram o réu, apontado como autor de um crime ocorrido em 03 de dezembro do ano passado, na Zona de Expansão de Aracaju. Segundo a SSP, na data do fato, a vítima – de apenas 18 anos -, transitava de bicicleta no povoado Areia Branca, quando sofreu uma emboscada e foi executado a tiros por quatro suspeitos, todos armados.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade