Segunda, 20 De Maio De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Restaurantes e bares estão operando com prejuízo em Sergipe


Avatar

Publicado em 12 de abril de 2024
Por Jornal Do Dia Se


O presidente da Abrasel em Sergipe, Bruno Dórea (Divulgação)

Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) em Sergipe entre os dias 25 de março e 1º de abril revelou dados preocupantes sobre a situação econômica do setor de alimentação fora do lar no estado.
De acordo com a pesquisa, houve um aumento significativo no número de empresas operando em prejuízo. Em fevereiro, 31% dos estabelecimentos registraram prejuízo, o que representa um crescimento de treze pontos percentuais em relação a janeiro. Por outro lado, apenas 30% das empresas conseguiram obter lucro.
Entre os principais fatores que contribuíram para a queda no desempenho estão a queda nas vendas do mês, apontada por 91% dos entrevistados, a redução no número de clientes, citada por 83%, e os altos custos com pessoal, mencionados por 35% dos empresários.
Outro ponto destacado na pesquisa foi a dificuldade em aumentar os preços. Segundo o levantamento, 56% dos estabelecimentos não conseguiram aumentar os preços nos últimos 12 meses, um número maior em relação à pesquisa anterior. Apenas 1% conseguiu reajustar os preços acima da inflação.
Diante desse cenário, o presidente da Abrasel em Sergipe, Bruno Dórea, ressaltou a importância de medidas que possam auxiliar o setor, como a revisão de políticas tributárias e ações que estimulem o consumo nos estabelecimentos. “Precisamos muito do apoio dos órgãos competentes para que ajudem a fortalecer o setor. Estamos vendo uma série de iniciativas voltadas ao Turismo, por exemplo, mas isso não é suficiente. O setor que acolhe, que ajuda a vender o nosso estado, que garante o maior índice de aumento de empregos do setor de serviços é, sem dúvida, o de bares e restaurantes. Mas, para que possamos atuar em condições dignas, precisamos de iniciativas que garantam benefícios para os empresários e também para os trabalhadores”, destacou.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade