Segunda, 15 De Abril De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Sintasa aguarda reunião com o Governo do Estado


Avatar

Publicado em 10 de maio de 2013
Por Jornal Do Dia


Protesto dos servidores em frente a Maternidade N. Sra. Lourdes

Após paralisações na Fundação Parreiras Horta, Huse e CAISM, foi a vez do Sintasa realizar nesta quinta-feira (9) a quarta e última paralisação, na Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL), antes de se reunir ainda este mês com o Governo do Estado para discutir sobre o Plano de Cargo, Carreira e Vencimento (PCCV) e a falta de condições de trabalho em diversos estabelecimentos da Saúde.
"Estamos mostrando para o governo a insatisfação dos servidores, principalmente para que seja implementado o Plano de Carreira dos estatutários, uma vez que o PEC (Plano de Emprego e Remuneração) já foi implementado. Algumas fundações já começaram a executar o retroativo, como a Parreiras Horta, que dia 30, estará pagando todo o retroativo de setembro do ano passado até agora. Isso é um ganho para a categoria", declara a diretora do Sintasa, Maria da Graça.

Para a sindicalista, os servidores estatutários, que são boa parte, têm mais de 25 anos de serviços, precisam ser também valorizados. "É capaz de chegar a aposentadoria deles, e não ter remédio para cuidar da sua saúde", diz a diretora.

Espera – Agora, resta ao Sintasa esperar o convite do secretário de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), Jeferson Passos, para uma reunião ainda este mês, conforme, prometeu no último encontro entre o secretário e os diretores do sindicato, realizado no dia 17 de abril, juntamente com a secretária de Estado da Saúde, Joélia Santos. "Espero que o Estado cumpra com a palavra, e estamos só aguardando o convite. Os secretários não nos fazem nem um favor, até porque o próprio governo já tinha assumido este compromisso em 2011", diz Graça.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade