Domingo, 21 De Abril De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Ciclista morre em acidente no bairro Aeroporto


Avatar

Publicado em 23 de fevereiro de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Foi sepultado no final da tarde de ontem no Cemitério São João Batista, zona Oeste de Aracaju, o corpo da ciclista Karine Edigaray de Azevedo Barros, de 40 anos, vítima de acidente de trânsito fatal ocorrido na noite da última quarta-feira (21). Pelo Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), foi oficializado que a vítima transitava pela Avenida Senador Júlio César Leite, no Bairro Aeroporto, zona Sul da capital sergipana, quando colidiu com uma bicicleta motorizada. Devido a este impacto, Karine caiu na via expressa e foi atropelada por um ônibus pertencente ao transporte urbano. O óbito foi constatado de imediato; peritos do Instituto Médico Legal (IML), foram acionados para iniciar as apurações e remover o corpo.
O condutor da bicicleta motorizada apresentou ferimentos e amplo impacto emocional – o qual não teve a respectiva identidade revelada -, foi inicialmente acolhido por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e, em seguida, encaminhado para o Hospital Regional Fernando Franco, localizado no Conjunto Augusto Franco, menos de dez quilômetros do local onde o acidente aconteceu. Por hábito comum neste tipo de ocorrência, o condutor do ônibus passou por teste do etilômetro – o qual não apontou embriaguez. Mesmo apresentando aflição pelo acidente trágico, em seguida foi encaminhado à Delegacia Plantonista onde prestou depoimento e liberado. O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Município de Aracaju (Setransp), não se manifestou sobre o assunto.
“A comoção é muito grande porque pegou a todos de surpresa. Uma pessoa maravilhosa, que trabalhava duro para dar o melhor aos dois filhos que hoje estão sendo consolados primeiramente por Deus, pelos familiares e nós amigos. Oro para que esse acolhimento superior possa reinar na família e que a alma de Karine possa ser bem recebida no reino dos céus”, declarou ao JORNAL DO DIA, Lúcia Santos, amiga da vítima. De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública, esse foi o primeiro caso envolvendo morte de ciclista em 2024 no estado de Sergipe; no ano passado foram contabilizados quatro ocorrências fatais.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade