**PUBLICIDADE


Dengue ainda mata


Avatar

Publicado em 28 de dezembro de 2023
Por Jornal Do Dia Se


O Brasil bateu recorde de mortes por dengue no ano de 2023. Dados divulgados pelo Ministério da Saúde, por meio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan online), revelam que foram registradas 1.079 mortes causadas pela doença até a quarta-feira (27).
O número de mortos assusta. Em verdade, no entanto, não evidencia uma novidade. Em 2022 foram confirmados mais de quatro mil casos de dengue em Sergipe. Além disso, 3.715 casos de chikungunya e 145 de zika registrados no estado denunciam a incompetência do poder público no combate ao vetor da doença.
Mais uma vez, a maior esperança de dar fim à dengue, de uma vez por todas, vem da Ciência. A vacina contra a dengue será distribuída pelo Sistema Único de Saúde (SUS). No entanto, o imunizante não será utilizado em larga escala, ao menos em um primeiro momento. O laboratório fabricante tem uma capacidade de produção muito limitada. Assim, a vacinação será focada em público e regiões prioritárias. As primeiras doses devem estar disponíveis já nas primeiras semanas de janeiro.
Até que a imunização esteja disponível para todos os brasileiros, o poder público precisará manter as mangas arregaçadas, fazer tudo o possível, honrar as próprias responsabilidades. 
Campanhas de conscientização regulares, incluindo todos os meios de comunicação e também os espaços públicos, desde as praças até as escolas, além de mutirões, coletas de pneus, limpeza de terrenos baldios, precisam se materializar em um trabalho continuado. De outro modo, todo o esforço realizado a fim de banir o aedes desce pelo ralo.
**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE