Sábado, 15 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Farmácia é assaltada 2 vezes em uma semana


Publicado em 11 de agosto de 2012
Por Jornal Do Dia


Gabriel Damásio
gabrieldamasio@jornaldodiase.com.br

A polícia registrou uma inusitada ocorrência no plantão de anteontem: uma farmácia da Avenida Poço do Mero, no Cj. Bugio (zona oeste de Aracaju) foi assaltada à tarde pelo mesmo bandido que a assaltou quase uma semana antes. A queixa foi registrada na Delegacia Plantonista (Centro) por um funcionário do estabelecimento e será encaminhada para a 10ª Delegacia Metropolitana (Bugio).

Segundo a queixa, o autor do roubo foi um homem baixo, magro e moreno, que estava armado com um revólver. Segundo o relato do funcionário, o ladrão entrou anunciou o assalto e apontou a arma diretamente para ele, obrigando-o a entregar o que tinha. Dessa forma, foram roubados dois telefones celulares e R$ 317,00 em dinheiro. Outros funcionários estavam no local e reconheceram o criminoso como o mesmo autor de um assalto ocorrido à mesma farmácia, no último dia 3.

Na ocasião, o assaltante também entrou armado no local e cometeu o roubo, vestindo roupas diferentes. Nesta ocasião, ele roubou R$ 900 em dinheiro. No total, o prejuízo foi de R$ 1.217 para a loja, que ainda de acordo com o funcionário, não possui câmeras de segurança. A Polícia Militar promete reforçar o policiamento na região do Bugio.

Grama roubada – Outra ocorrência inusitada foi registrada na 1ª DM (Leite Neto) por funcionários da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb): cerca de 330 tapetes de grama usados em jardinagem foram roubados de um canteiro da Avenida Ministro Geraldo Barreto Sobral, no Jardins (zona sul). O furto aconteceu na madrugada de quarta-feira, mas apenas ontem foi confirmado pela Emsurb. Nem o órgão e nem a polícia sabem ainda como foram arrancados os tapetes, os quais tinham sido colocados ali poucos dias antes.

O material contém grama do tipo esmeralda – usado em canteiros e jardins públicos – e sua quantia levada equivale a cerca de 80 metros quadrados (m²), ou ao mesmo espaço ocupado por 10 carros enfileirados. A Emsurb estima que o prejuízo causado pelos vândalos seja de R$ 2 mil aos cofres públicos. Segundo a própria repartição, outros 15 casos de furtos de plantas e mudas ornamentais já foram registrados nos últimos dois anos.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade