Quinta, 18 De Julho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

Governo substitui projetos de reajuste


Publicado em 26 de junho de 2012
Por Jornal Do Dia


PROFESSORES OCUPAM GALERIAS DA AL

Para atender reivindicação de deputados da oposição na Assembleia Legislativa, o governo do Estado reenviou à Casa o Projeto de Lei que determina os índices de reajuste salarial dos servidores públicos. Dessa vez, para que não haja questionamentos, o projeto foi feito em forma de lei complementar e dividido por categorias específicas, entre elas a do magistério, a dos militares e demais servidores. "Com essa atitude, nosso governo demonstra que não quer criar birra com ninguém", avisou o líder da bancada governista, deputado Francisco Gualberto (PT).
Os índices de reajuste salarial continuam os mesmos. Ou seja, 5,02% para os servidores e 6,5% para os professores. A diferença se dá por conta da diferença nas datas-base. "Mostramos aqui, através de várias decisões judiciais, que não haveria problema em relação à lei ordinária que havia sido enviada antes, mas vamos respeitar a reivindicação dos parlamentares de oposição", explicou Gualberto. Os projetos irão a votação em plenário, provavelmente, na próxima quarta-feira, dia 27.

Emendas – Sobre a apresentação de emendas ao projeto, já anunciada por alguns deputados, o líder do governo alertou: "Todos aqui sabem que nós não temos o poder de apresentar emendas para alterar carreiras ou índices. Portanto, não podemos fazer política com esse assunto. Temos que discutir com cuidado, pois não é sadio um parlamentar apresentar um determinado tipo de emenda mesmo sabendo que se trata de algo inconstitucional", disse.
Francisco Gualberto disse ainda que não aceitará calado ser chantageado por categorias de servidores que tentam a todo custo desmoralizar o governo e consequentemente o seu mandato parlamentar. "Para esses que estão tentando me chantagear através de entrevistas em programas de rádio, digo que juntem todos os votos que tiverem, botem numa bacia e derramem na cabeça para tomar banho", salientou o petista.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade