**PUBLICIDADE
Publicidade

Homem morre afogado no rio São Francisco


Avatar

Publicado em 19 de março de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Mais uma pessoa perdeu a vida no estado de Sergipe após sofrer afogamento no Rio São Francisco – quinto maior rio do Brasil. Pelo Instituto Médico Legal (IML) foi revelado que o óbito ocorreu no povoado Bolivá, localizado no município de Ilha das Flores. Para atender a ocorrência, uma equipe do Corpo de Bombeiros Militar (CBMSE) também foi encaminhada para o local. No primeiro momento de análise, os profissionais foram informados que o homem estava em companhia de amigos, quando se despediu do grupo e decidiu se banhar. Testemunhas que acompanharam essa entrada estranharam a demora de retorno do banhista; ao se aproximar da margem visualizaram o corpo boiando.
Diante do fato, enquanto pessoas – em solo -, acionavam o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP 190), três pessoas teriam entrado na água para remover o homem e, apesar da não demonstração de sinais vitais, tentar reestabelecer a consciência; quando bombeiros militares chegaram no local indicado, de imediato foi constatado a morte por afogamento. O cadáver foi recolhido e encaminhado para a sede do IML, em Nossa Senhora do Socorro – região metropolitana de Aracaju -, e, em seguida, liberado para que a família iniciasse a cerimônia fúnebre. Agentes da Polícia Militar também estiveram no povoado Bolivá para acompanhar a ocorrência. O Corpo de Bombeiros segue orientando as pessoas a multiplicar os cuidados no momento de entrar em mares, rios, açudes e piscinas.
Pela SSP foi enaltecido que os atos preventivos passam por: manter atenção constante nas crianças; crianças devem ser incentivadas a aprenderem a flutuar a partir de um ano e nadar a partir de quatro anos; nunca nadar sozinho; evitar mergulhar em local onde você desconheça a profundidade; preferir sempre nadar em águas rasas; jamais superestimar sua respectiva capacidade de nadar, bem como ter múltiplos cuidados é fundamental – 46,6% dos afogados acham que sabem nadar. O Corpo de Bombeiros orienta também: nade sempre perto de um guarda-vidas; pergunte ao guarda-vidas o melhor local para o banho de mar; nade longe de pedras, estacas ou píeres; evite ingerir bebidas alcoólicas antes do banho de mar.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade